PUBLICIDADE
Notícias

CNI: 80,6% das empresas focarão mercado interno em 2013

11:54 | 15/01/2013
As empresas brasileiras estão cada vez mais investindo com foco no mercado doméstico, segundo avaliação da Confederação Nacional da Indústria (CNI) com base em pesquisa realizada entre 25 de outubro e 30 de novembro de 2012 com 584 empresas.

Para 2013, 80,6% das empresas que pretendem investir têm como objetivo somente, ou principalmente, o mercado doméstico. Apenas 4,7% estão de olho principalmente, ou exclusivamente, no mercado externo. Conforme a CNI, este patamar relacionado ao mercado internacional é o mais baixo dos últimos 10 anos.

Apesar de a pesquisa sobre investimentos ter apenas quatro anos, a informação era coletada pela Confederação há mais tempo. A CNI salientou que, nos últimos 10 anos, o indicador de difusão do mercado externo foi reduzindo-se continuamente de 35 pontos para 20,5 pontos. O indicador varia de zero a 100 e valores abaixo de 50 refletem foco no investimento voltado para o mercado interno.

Objetivos

Na pesquisa, a CNI ressaltou que a introdução de produtos ganhou importância como objetivo de investir. Mesmo assim, a melhoria do processo produtivo é a principal meta para o direcionamento de recursos este ano: 34,8% de assinalações.

A introdução de processos produtivos perdeu importância nos planos de investimento, passando de 5,2% das respostas em 2012 para 4,3% este ano. O aumento da capacidade produtiva também aparece como razão importante para o investimento, sendo a segunda razão mais apontada pelas indústrias (28,3%).

As duas principais razões para o investimento perderam importância na passagem de 2012 para 2013. A introdução de novos produtos no mercado passou de 15,4% para 18,4%.

TAGS