PUBLICIDADE
Curiosidades
Noticia

Entenda a polêmica da suposta orgia em casa alugada via AirBNB

Proprietária do imóvel não gostou das práticas sexuais que teriam ocorrido na casa alugada. Assunto é um dos mais comentados nas redes nesta quarta

16:49 | 14/04/2021
Política do AirBNB restringe festas, mesmo as mais conservadoras (Foto: AIRBNB/DIVULGAÇÃO)
Política do AirBNB restringe festas, mesmo as mais conservadoras (Foto: AIRBNB/DIVULGAÇÃO)

Atualizada em 15/04/2021, às 19 horas

A discussão entre locatária e inquilino, membros da plataforma de locações de imóveis Airbnb, esteve entre os assuntos do momento no Twitter nesta quarta-feira, 14. Em áudio compartilhado nas redes sociais, a proprietária identificada como Verônica, reclama da conduta do locador em sua propriedade. "Você não pode locar uma casa para você, seu churrasco de aniversário com seus amigos, que eram 15, e de repente, fazer da casa da pessoa um bordel."

Em um segundo áudio, o inquilino Felipe se defende alegando falta de clareza da parte de Verônica, que deveria ter colocado no título do anúncio "proibido trepar no local". "Agora me admira você imaginar que eu, um jovem, vou convidar 15 amigos para comemorar o meu aniversário na sua casa pagando uma fortuna de diária sem ter a intenção de comer ninguém. Que mundo que tu vive?"

Regras do AirBNB

Festas como a de Felipe podem ferir os padrões da comunidade por gerar incômodos para os vizinhos. Segundo as políticas do Airbnb, os anfitriões devem impedir este tipo de transtorno: "Não organize e nem facilite festas ou eventos não autorizados. Você é responsável por qualquer festa ou evento durante uma reserva que viole nossa Política de Festas e Eventos."”

Em agosto de 2020, o Airbnb anunciou que estão proibidas as festas e eventos nas acomodações anunciadas na plataforma. "Os hóspedes que realizem eventos deste tipo podem ter suas contas removidas do Airbnb, assim como os anfitriões que violem esta regra permitindo festas podem estar sujeitos a consequências, incluindo a exclusão do anúncio." A plataforma de hospedagens ainda não publicou nenhum posicionamento sobre o ocorrido.

Enquanto isso, o caso ganhou fama no Twitter e muitos memes foram criados a partir da história:

Assunto rendeu piadas no Twitter
Assunto rendeu piadas no Twitter (Foto: REPRODUÇÃO/TWITTER)

Em nota, o Airbnb informou que "está apurando o caso mencionado pela reportagem, destacou que possui regras e Termos de Serviço e que anfitriões ou hóspedes que desrespeitem as políticas de uso estão sujeitos às medidas cabíveis".

Ouça os áudios: