PUBLICIDADE
Notícias

Cobra fica presa em própria pele por mais de 3 horas

O acontecimento raro aconteceu no Centro de Répteis Alice Spring, na Austrália. Segundo a diretora da Nurof da UFC, as trocas acontecem de acordo com a necessidade do animal

16:46 | 02/07/2016
NULL
NULL

Um acontecimento raro foi registrado por funcionários do Centro de Répteis Alice Spring, na Austrália. Eles conseguiram presenciar uma cobra da espécie Antaresia stimsoni ficar presa dentro de sua própria pele durante a troca da camada. Conforme as informações do site Spoid, o réptil deu voltas dentro de si por cerca de três horas até conseguir escapar de sua própria armadilha.  

[SAIBAMAIS2]
A diretora do Núcleo Regional de Ofiologia da Universidade Federal do Ceará (Nurof-UFC), Diva Borges, explica que o ocorrido é muito raro, pois a camada de queratina, denominada como pele por leigos, é muito frágil e dificilmente sai por inteiro, como aconteceu nesse caso. ''Não sai o túnel de camada de queratina por inteiro. Se caso for verdade, é muito raro”, contou a especialista que duvidou da veracidade do episódio.

Diva explicou que não há uma periodicidade certa para as trocas. Elas acontecem de acordo com a necessidade de cada animal.. “Elas trocam as camadas porque precisam crescer. No caso dos filhotes, esse processo ocorre com mais frequência se for comparado na fase adulta”, explicou. Além disso, a diretora do Nurof disse que as camadas têm a função de evitar a perda de água do animal. Quando o réptil transpira, a camada de queratina faz com que o suor retorne ao corpo, garantindo a sobrevivência do animal em vários ambientes.  

 

 

Redação O POVO Online

TAGS