PUBLICIDADE
Notícias

Sertanejo se explica após apresentação estranha no 'Encontro com Fátima'

"Eu assisti o vídeo várias vezes e reconheço que realmente está uma porcaria", publicou Barretto, que faz dupla com Bruno

20:24 | 12/01/2016
NULL
NULL

A apresentação da dupla sertaneja Bruno e Barretto no programa "Encontro com Fátima Bernardes" virou um dos temas mais comentados nas redes sociais. Depois de vários internautas comentarem que não entenderam nada do que eles estavam cantando na música "Farra, pinga e foguete", Barretto usou seu perfil no Facebook para explicar a situação.

"Eu assisti o vídeo várias vezes e reconheço que realmente está uma porcaria", publicou Barretto. O sertanejo afirmou que a dupla não conseguiu passar o som antes de cantar.

"Lá no estúdio estava top para nós porque lá tem retorno e tudo mais, então nem eu nem a nossa equipe identificou nada de anormal", explicou.

No Facebook, a página "Músicos da Depressão" publicou a versão "legendada" da canção para quem não conseguiu entender os sertanejos.
[VIDEO1]

 

Assista ao clipe oficial da canção:

[VIDEO2] 

Post na íntegra de Barretto

Bom dia. Se eu falar que não estou Vendo o que está acontecendo estou mentindo!


Já gravamos Vários programas de TV. Raul Gil, Sabrina Sato, Domingo Show (Geraldo Luiz), Sabadão (Celso Portioli), LegendÁrios (Marcos Mion) e o Encontro com Fátima Bernardes, que no caso fizemos duas Vezes ao vivo.

Meu jeito de cantar é assim por que sempre curti Tião Carreiro, Ronaldo Viola, João Mulato, o mesmo desde quando montamos a dupla há 1 ano e meio atrás.

Chegamos em cima da hora no dia do programa e não conseguimos passar o som, regular as alturas e tudo Mais. Não estou afirmando mas pode ser que esse erro tenha contribuído para que o áudio ficasse ruim daquela forma, eu assisti o Vídeo Várias vezes e reconheço que realmente está uma porcaria. Eu também não entendi muita coisa (risos)

Lá no estúdio estava top para nós, por que lá tem retorno e tudo mais, então nem eu nem a nossa equipe identificou nada de anormal. Fico chateado não com os comentários até porque são pessoas que não dão futuro nenhum ao nosso som.

Fico chateado porque gosto das coisas bem feitas.

 

Redação O POVO Online

TAGS