PUBLICIDADE
Notícias

Polícia prende suspeitos de tráfico de drogas em Granjeiro e Várzea Alegre

Aleno Silva Sousa Costa, 22 anos, confessou ser autor de arrombamento a uma loja de produtos esportivos. Raimundo de Sousa Medeiros, de 27, proprietário de um bar, assumiu que no local funcionava uma boca de fumo

16:57 | 10/02/2016
NULL
NULL

Dois homens foram presos suspeitos de tráfico de drogas nos municípios de Granjeiro e Várzea Alegre, durante a operação "Ressaca", realizada na madrugada desta quarta-feira, 10. 

Segundo o major Lucivando Rodrigues, Comandante da 3ª Companhia do 10º Batalhão de Polícia Militar, foi preso, em Várzea Alegre, Aleno Silva Sousa Costa, 22 anos, residente no Bairro Riachinho. No momento da prisão, ele estava comercializando drogas em plena festa de Carnaval da Cidade.

De acordo com o major, Aleno é apontado como chefe de quadrilha e principal autor de arrombamentos registrado no comércio local.

Inclusive, após ser confrontado com imagens de câmeras de segurança, ele confessou ter arrombado e furtado "uma grande quantidade" de produtos esportivos de uma loja (Rock Calçados) localizada no Centro de Várzea Alegre, em janeiro deste ano. Shorts, camisas de time, chuteiras e bolas estão entre os itens furtados.

Uma tatuagem chamativa no antebraço do suspeito auxiliou na identificação. "Ele não tinha como negar; a filmagem era bem nítida", ressalta o major. Aleno foi preso por tráfico de drogas.

[FOTO3]

Granjeiro

A segunda prisão, de Raimundo de Sousa Medeiros, de 27 anos, foi realizada na zona rural Sítio Cocos, em Granjeiro, a 558 km de Fortaleza, município vizinho a Várzea Alegre.

De acordo com informações repassadas pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), uma denúncia dava conta de que existia droga em um bar do qual Raimundo é proprietário.

[FOTO2]

Conforme o major Rodrigues, ele confessou que o estabelecimento funcionava como boca de fumo. No local, a Polícia encontrou na gaveta de uma sinuca um celular, um revólver calibre 32 com numeração raspada, cinco munições calibre 32 intactas, oito papelotes de cocaína, dois cheques: um de R$ 250,00 e outro de R$ 1.800, além de R$ 128 em espécie.

Raimundo foi preso por porte ilegal de arma e por tráfico de drogas no 20ª Distrito Policial de Juazeiro do Norte.

As ações foram realizadas pela 3ª cia do 10º BPM durante a Operação "Ressaca".

Lígia Costa, especial para O POVO Online  
TAGS