PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Adolescente degola irmão em Trairi

Jovem de 15 anos confessou ser autor do crime. Ele alega ter ouvido uma voz que o incitava a matar o irmão de sete anos

15:53 | 07/01/2016

Atualizada às 18h1min

Um adolescente de 15 anos degolou o próprio irmão, de sete, com um facão por volta das 7 horas desta quinta-feira, 7, no distrito de Munguba, em Trairi, a 124 km de Fortaleza.

De acordo com a Polícia Militar do município, o jovem confessou autoria do crime. Em depoimento, ele disse ter ouvido uma voz que o incitava a matar o irmão, enquanto tomava café da manhã no compartimento ao lado do quarto onde a vítima ainda dormia.

Em seguida, pegou o facão e desferiu cerca de três golpes contra o pescoço do garoto. Os pais dos dois não estavam em casa. Informações dão conta de que o casal estaria participando de um velório em uma cidade vizinha.

"Ele (adolescente) disse que uma voz vinha na mente dele desde cedo. Ele não se conteve, pegou o facão e acabou fazendo o que fez", conta o policial, que prefere não se identificar.
[SAIBAMAIS 3]
Ainda conforme o militar, o jovem tem amigos e não aparenta ter nenhum tipo de transtorno mental ou ser usuário de drogas. Ele também não responde por nenhum crime na Justiça, mas se mostrou "frio" durante o interrogatório da Polícia.

De acordo com o Major Jorge Marinho, do 11º Batalhão da Polícia Militar, o adolescente tinha alegado inicialmente que dois homens haviam entrado na casa da família e cometido o assassinato. No entanto, ainda segundo o major, o jovem caiu em contradição ao ser questionado pela Polícia, levando-o a confessar o crime.

Os pais, que acreditavam na versão do adolescente, ficaram profundamente abalados após a confissão, segundo a Polícia.

O jovem foi encaminhado à Delegacia Municipal de Trairi, enquanto que o corpo da criança foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para perícia.


Outro caso

Na manhã desta segunda, foram encontrados dois corpos em Aquiraz, um deles decapitado. O restante do corpo foi encontrado em uma duna próxima ao local.

O segundo corpo foi encontrado na entrada da localidade de Barro Preto. A polícia ainda investiga se os crimes estão interligados. 

Redação O POVO Online

TAGS