PUBLICIDADE
Notícias

Hospital Regional do Sertão Central deve ser aberto no próximo dia 20

A unidade, localizada em Quixeramobim, foi inaugurada em dezembro de 2014, mas nunca funcionou efetivamente. Governo do Estado esperava repasse federal

16:07 | 01/09/2016
NULL
NULL
Inaugurado há um ano e oito meses, o Hospital Regional do Sertão Central (HRSC) deve iniciar os atendimentos no próximo dia 20. A informação foi confirmada pelo Governo do Estado, após reunião entre o governador Camilo Santana (PT) e o prefeito de Quixeramobim, Cirilo Pimenta. O encontro entre os dois ocorreu na última quarta-feira.

O equipamento foi concluído ainda na gestão do ex-governador Cid Gomes em dezembro de 2014. Mas nunca foi aberto efetivamente para o atendimento da população. A justificativa para a unidade manter-se de portas fechadas era a falta de recursos que financiassem o funcionamento.

A gestão de Camilo Santana vinha tentando apoio federal para garantir a manutenção da unidade, que deve custar R$ 100 milhões por ano. A ideia era que os recursos federais garantissem 50% dos custos.

A previsão de abertura da unidade foi constantemente adiada pelo Governo do Estado desde a inauguração do equipamento. A última proposta era da unidade funcionar no primeiro trimestre deste ano, o que não se confirmou.

Unidade com investimento de R$ 87,7 milhões, o Hospital Regional do Sertão Central tem capacidade para atender mais de 400 pessoas por dia, de vinte cidades da região.

Com perfil para realizar operações de alta complexidade, o Hospital possui nove salas de cirurgia, 209 leitos de internação geral e 60 leitos de UTI.

O POVO Online entrou em contato com o assessoria de comunicação do Governo do Estado para saber como se dará o financiamento da unidade e quais serviços serão oferecidos a partir do dia 20. Os questionamentos foram enviados por email e, até a publicação desta matéria, não foram respondidos.
 
Redação O POVO Online  
TAGS