PUBLICIDADE
Notícias

Policial Militar é morto durante assalto a banco em Pacajus

De acordo com a Perícia no local, dois homens aguardavam Wellington dentro da agência do Bradesco, onde ele iria realizar um depósito

17:47 | 18/04/2016
NULL
NULL

Um subtenente da Polícia Militar foi morto na tarde desta segunda-feira, 18, em Pacajus. Francisco Wellington da Silva, 45, foi baleado após uma tentativa de assalto em uma agência bancária do município. Wellington era lotado na 2ª Cia. do 15º Batalhão da PM.

De acordo com a Perícia no local, dois homens aguardavam Wellington dentro da agência do Bradesco de Pacajus, onde ele iria realizar um depósito. O agente de segurança foi surpreendido com a ação e foi baleado na cabeça. Ele teve morte imediata.

A funcionária de uma empresa de frios Ana Paula Barbosa de Castro, 42, estava na agência e levou um tiro na perna. A bala atingiu a veia femoral e Ana Paula foi encaminhada ao Instituo Dr. José Frota em estado grave.

As câmeras de segurança do banco gravaram toda a ação e um dos assaltantes foi identificado. Um terceiro homem estava do lado de fora da agência dando suporte à dupla.

Após o crime, os suspeitos fugiram em um carro Volkswagen Gol. O veículo foi encontrado em uma estrada carroçável no município de Horizonte, mas a Polícia não tem pistas dos suspeitos.

Segundo a assessoria de comunicação da Polícia Militar, diligências estão sendo realizadas na área do crime pelo Comando da Corporação para "elucidar os detalhes da ação, bem como encontrar seus autores".

O subtenente Wellington é o sétimo policial morto no Ceará em 2016. O último havia sido o policial civil Alisson Mendonça, morto após outra tentativa de assalto no bairro Cidade dos Funcionários no último dia 6 de abril.

Redação O POVO Online com informações da repórter Jéssika Sisnando

TAGS