Participamos do

Polícia Civil investiga execução de filha de ex-vereador em Monsenhor Tabosa

A investigação é realizada por policiais da Delegacia de Crateús
18:41 | Out. 13, 2021
Autor Jéssika Sisnando
Foto do autor
Jéssika Sisnando Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Raimunda Rocha de Souza Neta, de 22 anos de idade, foi morta a tiros em Monsenhor Tabosa, no Ceará, na noite da segunda-feira, 11. Ela era filha do ex-vereador Raimundo Lameu.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a mulher foi morta a tiros em via pública por dois homens em uma motocicleta. A Delegacia de Crateús investiga o caso. 

Denúncias

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo (88) 3692.3308 da Delegacia Regional de Crateús.

As informações podem ser repassadas também para o número 181, o Disque-Denúncia da SSPDS, ou para o (85) 3101.0181, que é o número de WhatsApp, pelo qual podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia. O sigilo e o anonimato são garantidos. 

- Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags