PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Chefe da maior quadrilha de roubo a bancos do Jaguaribe morre durante abordagem do Cotar

PM afirmou que, quando percebeu que seria preso, o chefe da quadrilha, Silvio Leno, tirou a própria vida. Mais duas pessoas foram mortas

09:41 | 27/04/2019

Silvio Leno Chaves Barbosa, apontado pela Polícia Militar como o líder da maior quadrilha de assaltos a banco e carros fortes da região de Jaguaribe, morreu por volta das 3 horas da madrugada desta sexta-feira, 26, durante abordagem do Comando Tático Rural (Cotar), do Batalhão de Choque.

De acordo com nota da Polícia Militar, a informação de que o homem estaria escondido em uma casa com armas de fogo chegou até os policiais, que foram à residência. Houve confronto e, conforme a PM, quando Silvio Leno percebeu que seria preso ele tirou a própria vida.

Foi realizada uma vistoria no próprio imóvel e encontrada uma pistola PT 100, uma motocicleta modelo Bros com queixa de roubo e vários celulares. Outra composição deslocou-se para a outra residência e houve troca de tiros. Raimundo Filho e o homem identificado como "Corredor" foram atingidos. No local foram apreendidas uma pistola Glock calibre .40, um revólver calibre 32 e uma motocicleta roubada.

Os dois foram socorridos para uma unidade hospitalar de Morada Nova, mas estavam mortos.

Redação O POVO Online