PUBLICIDADE
Noticia

Caminhoneiro é condenado por sequestrar e atropelar casal que parou para ajudá-lo

Homem sequestrou marido e esposa que tentaram o ajudar na rodovia CE-060 e foi condenado pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio

18:57 | 16/12/2020
Themis, a deusa da Justiça (Foto: TJCE/DIVULGAÇÃO)
Themis, a deusa da Justiça (Foto: TJCE/DIVULGAÇÃO)

O réu André Jesus Souza foi condenado pelo Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Mombaça a cumprir 25 anos e quatro meses de reclusão por homicídio tentado e consumado contra um homem e uma mulher. O crime teria acontecido em 2017 contra um casal que havia parado na rodovia CE-060 para tentar ajudar o caminhoneiro.

Conforme o processo, o homem sequestrou a dupla e tentou extorquir a quantia de R$ 500 em dinheiro. Segundo as autoridades, o caminhoneiro havia feito uma dívida de mesmo valor em cocaína. De acordo com o relato das autoridades policiais, o réu estava parado no acostamento da rodovia e informou ao casal que estava sem combustível. As vítimas foram então ao posto de gasolina e, ao retornarem, o caminhoneiro rendeu o homem com uma barra de ferro, o amarrou e colocou dentro da cabine do caminhão.

A mulher estava dentro do carro e não viu a ação. Em seguida, ainda segundo a ação, o caminhoneiro rendeu a mulher, que também foi amarrada e colocada na cabine. O caminhoneiro seguiu as vítimas pela estrada e durante todo o trajeto fazia ameaças pedindo o valor de R$ 500. Em determinado momento, o caminhoneiro parou o caminhão e desceu. O homem sequestrado conseguiu se soltar e saltou do veículo. Ao perceber que o homem havia fugido, o suspeito ligou o veículo e atropelou o homem.

Com a porta do caminhão aberta, a mulher se jogou do veículo em movimento. Uma viatura da Polícia Militar (PM) do município de Pedra Branca estava fazendo patrulhamento na região e avistou a mulher, que informou as autoridades a direção em que o caminhoneiro havia fugido. As autoridades policiais fizeram uma emboscada e enquanto o caminhoneiro tentava desviar, um dos pneus do caminhão estourou e o homem foi preso em flagrante. As informações são do processo e foram fornecidas pelo Ministério Público do Ceará.

O homem foi autuado por extorsão mediante sequestro, resultando em morte, e também direção perigosa, na Delegacia Regional de Senador Pompeu. O homem atropelado morreu no local. A mulher foi socorrida e recebeu alta. De acordo com nota divulgada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o caminhoneiro alegou, em depoimento, que teria gastado o valor de aproximadamente R$ 500 em cocaína e que por isso decidiu realizar um assalto, com o intuito de repor a quantia gasta em entorpecentes.

A decisão do Tribunal ainda pode ser recorrida, mas o Juízo da 1ª Vara de Mombaça negou ao réu o direito de recorrer em liberdade, mantendo o decreto de prisão cautelar do acusado.