PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Grupo armado explode banco em Milhã e leva dinheiro

Os criminosos sitiaram a cidade, mas não houve confronto com a Polícia, que realiza buscas na região. Esse foi o primeiro ataque a banco com explosão, neste ano

08:43 | 10/01/2017
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )

[FOTO1] 

Um grupo de homens fortemente armados explodiu uma agência do Banco do Brasil, na madrugada desta terça-feira, 10, em Milhã. Os criminosos sitiaram a cidade e cercaram o destacamento policial, mas não houve confronto. Esse foi o primeiro ataque a banco com explosão registrado em 2017.

A ação foi registrada por volta das 2 horas da madrugada, quando os suspeitos efetuaram disparos contra a agência bancária localizada na rua Doutor Wilson Pinheiro, no Centro. Dentro do banco, eles explodiram os caixas eletrônicos e roubaram uma quantia em dinheiro não informada pela Polícia Militar.

"Duas motos estavam em frente ao destacamento fazendo a observação, por isso chamamos reforço policial das cidades vizinhas", informou o sargento Samuel de Oliveira, da 2ª Cia. do 9º Batalhão de Polícia Militar.

Os criminosos fugiram em direção ao distrito de Carnaubinha, em Milhã. A PM também investiga a possibilidade de fuga deles para as cidades de Pedra Branca e Quixeramobim. Foi acionado reforço dos destacamentos policiais de Solónopole, Irapuã Pinheiro, Senador Pompeu e Quixeramobim.

[FOTO2]Segundo o sargento Samuel, um carro incendiado foi abandonado em Quixeramobim. "Os policiais ainda estão em diligências, mas temos a informação de que os bandidos queimaram esse carro", disse.

Na tarde dessa segunda-feira, 9, foi registrada a primeira ação de “saidinha bancária” de 2017, no município de Caucaia. Um empresário do ramo alimentício teve R$ 75 mil levados por uma dupla, que fugiu em uma moto amarela.

Em 2016, número de ataques a bancos no Ceará chegou a 41, uma média de três casos por mês. A quantidade corresponde a roubos, furtos e arrombamentos, sem contar as ações conhecidas como “saidinha” e “chegadinha” bancárias.

 

TAGS