PUBLICIDADE
Noticia

Duas mulheres são mortas em Maracanaú, uma delas transexual

Na madrugada da última segunda-feira, 5, uma adolescente trans de 16 anos também foi morta a facadas em Juazeiro do Norte

Ítalo Cosme
21:00 | 11/04/2021

Duas mulheres foram encontradas mortas na madrugada deste domingo, 11, na Rua Tancredo Neves, no bairro Pajuçara, em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza. Entre as vítimas do duplo homicídio está uma mulher transexual, sendo a segunda morta em menos de uma semana no Ceará. As vítimas ainda não foram identificadas.

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), uma equipe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), foi acionada ao local. As vítimas foram atingidas por disparos de arma de fogo.

Polícia Militar do Ceará (PMCE) e a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) estiveram no local e colheram as primeiras informações. Um inquérito policial foi instaurado e o DHPP investiga as circunstâncias do crime.

Crime contra mulheres trans

Este é o segundo caso de homicídio contra uma mulher trans registrado no Estado em uma semana. Na madrugada de segunda-feira, 5, Pietra Valentina, de 16 anos, foi morta a facadas em Juazeiro do Norte.

Em Janeiro, Keron Ravach, 13, morreu após receber pauladas, chutes e socos por cobrar uma dívida de R$ 50 do suspeito, outro adolescente de 17 anos. A vítima foi encontrada morta em um terreno baldio no bairro Apossados, no município de Camocim, localizado no litoral Oeste do Estado.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257.4807, do DHPP, que também é o WhatsApp do Departamento, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.