Participamos do

Com ajuda de cão farejador, Polícia encontra haxixe em caixa de chocolates no Eusébio

O material ilícito estava sendo transportado em uma caixa de chocolates e foi identificado pelo cão detector de drogas "Inu", da raça Pastor Belga Malinois
19:16 | Ago. 27, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Agentes da Polícia Federal apreenderam, na tarde desta sexta-feira, 27, cerca de 200 g de haxixe que estavam dentro de uma encomenda postal, no Centro de Triagem dos Correios do município de Eusébio, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O material ilícito estava sendo transportado em uma caixa de chocolates e foi identificado pelo cão detector de drogas “Inu”, da raça Pastor Belga Malinois.

Cão farejador encontrou 200 g de haxixe dentro de uma caixa de chocolates
Cão farejador encontrou 200 g de haxixe dentro de uma caixa de chocolates (Foto: Polícia Federal)

Segundo informações do órgão, os agentes faziam uma "inspeção de rotina" no espaço quando o cachorro começou a dar indícios de que farejava algo dentro de uma das caixas. Percebendo a mensagem passada pelo animal, policiais acionaram a Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz) para abrir a encomenda.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

LEIA MAIS | Conta de luz em setembro terá alta de até 58% com bandeira vermelha

395 feirantes da José Avelino já forneceram dados em ação da Prefeitura

Dentro do pacote, havia uma caixa de chocolates que continha 200g de haxixe. Para ter certeza sobre o material ilícito, a Polícia chegou a realizar um teste preliminar, que detectou a droga. O haxixe foi apreendido e encaminhado à sede da Superintendência Regional da Polícia Federal no Ceará.

Até às 16 horas desta sexta-feira, 27, ninguém havia sido preso em decorrência do transporte ou recepção do material ilícito. De acordo com a Polícia Federal, o caso segue sendo investigado com o objetivo de localizar tanto quem estava encaminhado a encomenda como descobrir quem deveria recebê-la.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags