PUBLICIDADE
Notícias

Polícia apreende 200 papelotes de crack e prende quadrilha

A Polícia encontrou na residência peças avulsas de motocicletas, o que pode ser um indicativo de desmanche

16:13 | 11/08/2014

Uma operação em conjunto da Polícia Civil e Militar apreendeu 200 papelotes de crack, prontos para comercialização, e prendeu uma quadrilha na manhã do último domingo, 10, no município de Canindé, localizado a 120,2 km de Fortaleza.

Segundo o delegado titular da Delegacia Regional de Canindé (8ª Região), Amando Albuquerque, a Polícia apreendeu, além da droga, uma arma que havia sido roubada de um policial meses atrás, peças de motoclicleta avulsas e celulares.

Com mandato de busca e apreensão, a abordagem policial ocorreu na residência de Silvia Helena Soares Gomes, 38, conhecida como "Lena", e apontada pelas investigações como a chefe da quadrilha. No local, a Polícia encontrou um homem com mandato de prisão em aberto por homicídio. Havia, inclusive, dois adolescentes e pessoas envolvidas com tráfico.

De acordo com o delegado, a Polícia estava monitorando a quadrilha já há algum tempo. Os acusados estão presos na delegacia de Canindé. A Polícia tem até 30 dias para elaborar um relatório das investigações e enviar para a promotoria de justiça.

Presos

Silvia Helena Soares Gomes, 38, indiciada por tráfico de drogas, corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo e organização criminosa. Já responde por roubo, receptação, lesão corporal grave e desacato/desobediência. 

Marciano Pereira Rocha, 19, indiciado por associação ao tráfico, porte ilegal de arma de fogo, corrupção de menores e organização criminosa. Já responde por lesão corporal, homicídio, roubo, tráfico de drogas, e crimes de trânsito.

Francisco Gilson Soares Gomes, 19, indiciado por associação ao tráfico, corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo, organização criminosa.Tem um mandato de prisão em aberto por homicídio.

Antônio Deoclécio Lourenço da Silva, 27, indiciado por associação ao tráfico, corrupção de menores, porte ilegal de arma de fogo e organização criminosa. Já responde por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e de uso permitido.

Francisco Ismael Sousa da Silva, 21, indiciado por tráfico de drogas.

Francisco Marcelo Felipe Rodrigues, 28, indiciado por tráfico de drogas.

Dois menores, de 16 e 17 anos.

 

Redação O POVO Online

TAGS