PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Homem é preso suspeito de matar os próprios pais a facadas em Acarape

Investigação aponta que homem é usuário de drogas e descobriu que os pais queriam interná-lo para tratar o vício

12:27 | 18/11/2020
Crime ocorreu na manhã desta quarta-feira, 18 (Foto: Sâmya Mesquita/Especial para O POVO)
Crime ocorreu na manhã desta quarta-feira, 18 (Foto: Sâmya Mesquita/Especial para O POVO)

Atualizada às 13 horas

Um homem foi preso em flagrante pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), na cidade de Acarape, suspeito de matar os próprios pais a facadas. Ocorrência foi registrada nesta quarta-feira (18). Com ele, duas facas usadas no crime foram apreendidas.

A PMCE identificou o homem como Rafael Silva Freitas, de 33 anos. Ele foi capturado pela Polícia na localidade de Sítio Marrecos, na zona rural de Acarape. Dados colhidos pela Polícia dão conta de que o suspeito é usuário de drogas e teria atacado os pais, Maria Silva de Freitas, 55 anos, e Ubiraci Lima de Freitas, 54 anos, enquanto eles ainda dormiam. O homem confessou o crime em depoimento.

A investigação aponta que Rafael matou os pais após descobrir que eles pretendiam interná-lo para tratar o vício em drogas. Agora, a Delegacia Municipal de Redenção, onde o homem foi autuado em flagrante por homicídio doloso, investiga o caso.

Vizinhos relataram ao O POVO que ouviram gritos de discussão no local por volta das 6 horas. O cunhado do suspeito foi chamado e precisou arrombar a porta para entrar na residência. Ele amarrou Rafael com uma corda para o homem não fugir enquanto a polícia não chegava ao local.

De acordo com o tenente Madson Guedes, a polícia foi acionada para uma briga familiar e se deparou com a situação que ele classifica como "grotesca". "A polícia encontrou os pais já desfalecidos, sem oportunidade para prestar socorro. Primeiramente, ele matou o próprio pai e finalizou a morte usando uma enxada", detalha. "A mãe não teve como fugir e ele deferiu um golpe de faca na barriga dela, deixando vísceras expostas". (Colaborou: Sâmya Mesquita/Especial para O POVO)

TAGS