Bombeiros soltam dedo de criança preso no ralo de uma piscina em Fortaleza

Os bombeiros foram acionados para soltar o dedo do pé de uma criança de 8 anos que ficou preso no ralo de uma piscina em Fortaleza

Os Bombeiros Militares do Ceará foram acionados neste sábado, 7, para soltar o dedo do pé de uma criança que ficou preso no ralo de uma piscina, em uma casa localizada em Fortaleza. A menina de 8 anos brincava na água quando teve o pé direito puxado pela sucção e ficou com seu dedão preso.

Quando as autoridades chegaram ao local, a criança já tinha sido retirada da piscina pelo pai e se encontrava sentada em uma cadeira. Para a remoção do ralo, os bombeiros realizaram o desmonte do objeto em duas etapas, o cortando. Ao conseguirem acessar o dedo da menina, cortaram mais uma vez e soltaram sem causar ferimentos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em Quixadá, o Corpo de Bombeiros Militares do Estado atenderam outro caso de uma criança com dedo preso em um objeto. O caso aconteceu na noite desta sexta-feira, 6, após o menor, de 11 anos, ficar com um anel “enganchado” na mão direita.

A equipe foi acionada pela UPA do município. Foi utilizada uma mini retífica para serrar e retirar o anel. A criança ficou com o dedo um pouco inchado e vermelho após a remoção do objeto.

Segundo o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros em Itapipoca, Mardens Vasconcelos, ocorrências que envolvem dedos de crianças presos são comuns, principalmente com anéis. Ele explica que, devido a frequência que ocorrem, as viaturas geralmente já andam com o aparelho utilizado para remover o objeto enganchado, que é a mini retífica.

Em casos de situações como estas, ele orienta que os responsáveis primeiro tentem acalmar a criança. “E acione uma de nossas equipes através do número 193, ou se desloque a um quartel do Corpo de Bombeiros próximo ao local onde possa ter acontecido”, recomenda.

Outra orientação é que o responsável pelo menor não tente remover o objeto. “Pois se a retirada não for realizada da maneira correta, pode deixar sequelas”, detalha.

Na semana da criança, entre os dias 09 e 12 de outubro, o Corpo de Bombeiros de Itapipoca estará realizando no município a “Semana da Criança Segura”, uma campanha que previne acidentes domésticos. “Iremos distribuir panfletos sobre as formas de prevenção a esses tipos de acidentes em uma blitz educativa. Visitaremos algumas escolas e creches”.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar