Participamos do

Pamella Holanda se pronuncia após soltura de DJ Ivis e afirma não se sentir segura

DJ Ivis foi solto nesta sexta-feira, 22, após ficar preso por três meses por denúncias de violência doméstica contra Pamella, sua ex-esposa. A decisão pela soltura foi expedida pela Vara Única de Eusébio.
15:33 | Out. 23, 2021
Autor Alice Araújo
Foto do autor
Alice Araújo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A influenciadora Pamella Holanda, e ex-esposa de DJ Ivis, se pronunciou através de suas redes sociais, após a decisão da Justiça de liberar o artista, preso desde julho deste ano, após agredi-la. Em texto compartilhado neste sábado, 23, Pamella afirmou não se sentir segura diante da situação.

Na nota, a influenciadora reforçou que também não está “satisfeita” com o ocorrido, além de estar tomando medidas de segurança necessárias. “Obviamente não me sinto segura nem plenamente satisfeita com os atuais fatos, mas eu preciso honrar com meus compromissos profissionais e continuar com minhas obrigações pessoais, tomando todas as medidas possíveis por segurança, não só física, mas emocional", escreveu.

Iverson de Sousa Araújo foi solto na sexta-feira, 22, após passar três meses sob cárcere no presídio Centro de Triagem e Observação Criminológica (CTOC), em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). A informação foi confirmada pela assessoria da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP). A soltura do artista foi autorizada, segundo o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), pela Vara Única de Eusébio.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Os advogados de defesa da vítima também publicaram pronunciamento afirmando que as medidas protetivas continuam em vigor para a segurança de Pamella e da filha do ex-casal. Desta maneira, Ives continua proibido de tentar qualquer tipo de contato ou aproximação à ela ou à seus familiares.

“Ressaltamos, ainda, que todas as medidas protetivas de urgência continuam em vigor e que permanece o acusado proibido de ter qualquer convivência e/ou contato com a Ofendida ou se aproximar dela e de seus familiares seja física ou por qualquer outro meio de comunicação, assim como a proibição de divulgação na internet de imagem e vídeos íntimos da vítima e postagens difamatórias à sua imagem, entre outras medidas impostas, sob pena de incorrer em crime de descumprimento das medidas protetivas de urgência, conforme o Art. 24-A da Lei nº 14.149 de 2021 (Lei Maria da Penha).”

Ainda em seu pronunciamento, Pamella fez agradecimentos a todos que estão mandando mensagens de preocupação e que vem demonstrando apoio à ela e sua filha. “Obrigada por todas as mensagens de apoio, carinho, e principalmente pela preocupação comigo e com minha filha Mel. Estamos bem na medida do possível. Mas do que na justiça, confiamos em Deus. Que tem nos sustentado, dado forças e nos iluminado em todo e qualquer passo que damos. Eu e Mel somos uma”, disse a influenciadora em postagem feita em suas redes sociais.

Leia na íntegra a nota pública da defesa 

"Nós, advogados da Pamella Holanda, confiamos na atuação da Justiça e na dos profissionais que a executam. A lei do nosso país, de toda forma, está sendo aplicada e que os fatos atuais em relação à Ação Penal, a respeito da violência doméstica sofrida pela vítima em questão, são em decorrência do nosso ordenamento jurídicio.

Ressaltamos, ainda, que todas as medidas protetivas de urgência continuam em vigor e que permanece o acusado proibido de ter qualquer convivência e/ou contato com a Ofendida ou se aproximar dela e de seus familiares seja física ou por qualquer outro meio de comunicação, assim como a proibição de divulgação na internet de imagem e vídeos íntimos da vítima e postagens difamatórias à sua imagem, entre outras medidas impostas, sob pena de incorrer em crime de descumprimento das medidas protetivas de urgência, conforme o Art. 24-A da Lei nº 14.149 de 2021 (Lei Maria da Penha).

Aproveitamos, também, para agradecer as mensagens de apoio à Pamella e reforçar que estamos trabalhando sempre para resguardar os direitos desta e da filha do ex-casal."

Fortaleza, 23 de outubro de 2021.

Priscila Virino Silveira e Leonardo Barreto Guimarães Lima

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags