Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Mais de 3 mil alunos da rede municipal de ensino de Fortaleza são monitorados em relação à Covid-19

O monitoramento é feito em casos de os estudantes apresentarem algum tipo de sintoma ou por entrarem em contato com alguém que estava positivado com o vírus da Covid-19.

Desde o começo da retomada das aulas presenciais na rede municipal de ensino de Fortaleza, no dia 8 deste mês, 3.430 alunos entraram em monitoramento após afirmarem que apresentaram algum tipo de sintoma de Covid-19 ou declararam ter entrado em contato com alguém positivado para a doença. O número reflete o acompanhamento feito pelas escolas do Município, que começam hoje a implementar a terceira fase do retorno presencial. 

Esta fase expande a retomada das aulas presenciais para todos os estudantes do ensino fundamental e à educação de jovens e adultos. A secretária da Educação de Fortaleza, Dalila Saldanha, esteve nesta segunda-feira, 20, na Escola Municipal Demócrito Rocha, em Messejana, para acompanhar o retorno. A secretária conta que através de rastreadores que fazem o acompanhamento diário dos alunos e dos profissionais, foram-se identificados casos suspeitos e pontuais de contaminação por Covid-19. "A gente segue o rigorosamente o protocolo. A cada casos suspeito, pelo menos um, a turma já fica em aulas remotas", garante a secretária.

Os alunos monitorados são os que ao preencherem as fichas, disponibilizadas diariamente pela unidade de educação para o retorno presencial, colocaram algum sintoma (dor de cabeça, coriza, febre) ou que estiveram com alguém que estava com Covid-19.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Para o professor de História Regiano Machado, o retorno dos alunos tem um significado muito importante. "A gente que trabalha diretamente com a história sabe que estamos vivendo um momento importante", afirmou. Ele projeta, daqui a alguns anos, o momento atual ser descrito nos livros e ser parte dos estudos sobre História. 

Para os alunos, o retorno é alegria. "Fiquei quase dois anos sem ir pra escola. Me sinto feliz quando por estar aqui. Eu estava com saudade. Gosto mais da biblioteca, gosto de ler, gosto de mangá. Estou feliz e ansioso", disse Antônio Silva, 12 anos.

LEIA MAIS | Ceará libera aulas com 100% da capacidade e terá futebol com público no Castelão

Vacina da Pfizer/BioNTech é segura para crianças de 5 a 11 anos


Fases do retorno presencial

 

  1. A gestão Municipal iniciou, no dia 8 de setembro, o retorno escalonado com revezamento semanal entre os alunos. Na primeira fase, a educação pública de Fortaleza recebeu as crianças do infantil III, IV e V da educação infantil; 1º e 2º anos do ensino fundamental.
  2. Já na semana seguinte, que iniciou em 13 de setembro, foi a vez do retorno das aulas das turmas do infantil I e II, concluindo toda a educação infantil, e o 3º, 4º e 5º do ensino fundamental.
  3. “Hoje, a gente retorna com todo ensino fundamental, com turmas do 6º ao 9º ano e a educação de jovens e adultos”, informa a secretária de educação Dalila Saldanha.

A titular da Secretaria da Educação explica que a gestão estará encerrando esse ciclo de início e, na última sexta-feira da próxima semana, 1º de outubro, deverá concluir a volta de todos os grupos que ainda faltam, retornando sob regime de revezamento de 50% da capacidade de cada sala de aula. 

Questionada sobre o retorno de 100% dos estudantes para as escolas, Dalila afirmou que a gestão segue avaliando a possiblidade: "Encerrado esse ciclo, no final da próxima semana, nós estaremos avaliando, e no dia 4 de outubro estaremos divulgando uma nova rotina e a capacidade de cada série", conclui.

- Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui

*As informações são de Gabriel Borges

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar