PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Campanha orienta sobre prevenção de queimaduras durante o preparo de alimentos

Afastar a vítima da causa da lesão, lavar a região atingida apenas com água corrente e em temperatura ambiente são algumas das orientações em caso de queimadura

Mirla Nobre
23:12 | 07/06/2021
IJF promove campanha para prevenção de queimaduras por acidentes domésticos e de trabalho, tendo como foco as donas de casa e os profissionais de cozinha (Foto: JÚLIO CAESAR)
IJF promove campanha para prevenção de queimaduras por acidentes domésticos e de trabalho, tendo como foco as donas de casa e os profissionais de cozinha (Foto: JÚLIO CAESAR)

Durante o mês de junho, uma campanha promovida pelo Instituto Doutor José Frota (IJF) orienta sobre a prevenção de queimaduras durante o preparo de alimentos, seja eles no ambiente doméstico ou nos locais de trabalho, como restaurantes, lanchonetes e churrascaria. Ao mês, o Hospital atende mais de 200 novos pacientes com ferimentos graves causados, principalmente, por contato com alimentos.

Para isso, a campanha traz as ações de prevenção que contam com blitze educativas, distribuição de material gráfico e veiculação de vídeos com dicas de segurança e primeiros socorros repassadas por chefes de cozinha, donas de casa e a equipe clínica do Núcleo de Queimados do IJF. A campanha é realizada, principalmente, em alusão ao Dia Nacional de Luta contra Queimaduras, comemorado no dia 6 de junho. Este ano, o objetivo da iniciativa é alertar, principalmente, sobre os riscos de acidentes no preparo de alimentos.

Ainda segundo o núcleo do IJF, foi observada a necessidade de uma orientação permanente à população sobre a importância do uso e conservação correta de utensílios de cozinha para evitar os acidentes, como uso de panelas, cafeterias e fritadeiras, com a instalação de equipamentos, como fogões, fornos e cilindros de gás entre outros. Além disso, a unidade hospitalar destaca a atenção sobre os riscos de crianças na cozinha sem a devida supervisão de um adulto ou mesmo levar crianças ao colo enquanto manipula algum alimento quente, como mingau. 

LEIA TAMBÉM | Ceará se destaca com pesquisa sobre pele de tilápia como curativo para tratar queimaduras

Outros fatores que geram atenção para o mês de junho, são as festividades do São João e o período de férias escolares, onde há possibilidade de maior manuseio de preparação de alimentos para o período, acionamento indevido de fogos de artifício e quedas em fogueiras, como também a intensa participação das crianças no ambiente de preparação dos alimentos.

Em caso de queimaduras, a superintendente do IJF, Riane Azevedo, informa que não existe remédio caseiro para queimaduras, ao contrário do que é visto em redes sociais e páginas na internet. Um exemplo citado por Riane é sobre o uso de creme dental, manteiga, ovo, pó de café, mel e mesmo medicamentos aplicados sem a orientação médica. Segundo ela, além de passar uma falsa impressão de tratamento, podem causar infecções graves, que causam ainda mais dor e podem até resultar na amputação de um membro ou mesmo na morte da vítima.

Conforme o núcleo de queimados, a orientação correta é afastar a vítima da causa da lesão, lavar a região atingida apenas com água corrente e em temperatura ambiente, para a troca de calor e limpeza do ferimento. Não é indicado puxar a roupa que estiver grudada á pele, retirar anéis, relógio e pulseiras, tendo em vista que o corpo incha após as queimaduras. É importante procurar a orientação médica na unidade de saúde mais próxima, o mais rápido possível, independente do nível da queimadura.

LEIA TAMBÉM | Eletrodomésticos são grande parte das causas de incêndio em casa; saiba como se proteger

Confira os cuidados em casa e no trabalho:


No trabalho:

- Utilize rigorosamente os itens de proteção individual, como luvas, botas, aventais, máscaras e mangotes;
- Faça a manutenção periódica preventiva e corretiva dos equipamentos;
- Estoque materiais inflamáveis e explosivos em local seguro (álcool, gasolina e solvente);
- Verifique vazamentos em tubulações de substâncias inflamáveis, vapores e de temperatura elevada;
- Não manipule a rede de abastecimento elétrico sem a certeza de que a mesma esteja desligada;
- Mantenha as instalações sinalizadas e promova o respeito às regras de segurança;

Em casa:

- Redobre a atenção com crianças e idosos na cozinha;
- Não segure a criança no colo enquanto estiver ingerindo líquido quente ou cozinhando;
- Não use panelas desgastadas ou com alças quebradas;
- Mantenha o cabo das panelas para o lado de dentro do fogão;
- Tenha cuidado com o superaquecimento da porta do forno;
- Cubra tomadas e instale os extensores elétricos em locais altos;
- Evite acender velas em casa ou mantenha chamas longe de cortinas e camas

Confira os primeiros socorros em caso de acidentes:

- Com cuidados, afaste a vítima da causa da lesão;
- Lave o local atingido apenas com água corrente;
- Não retire a roupa que estiver grudada na pele;
- Não faça uso de receitas caseiras (gelo, creme dental, mel, pó de café ou óleos)
- Não use medicação sem indicação médica;
- Nunca cubra com algodão e nem estoure as bolhas provocadas pela queimadura;
- Procure unidade de saúde mais próxima

Para conferir todas as orientações sobre prevenção de queimaduras, clique aqui para visualizar o Guia de orientação contra os acidentes.

Serviço

Núcleo de Queimaduras - Instituto Doutor José Frota (IJF)
Onde: Rua Barão do Rio Branco, 1816, bairro Centro
Contatos: (85) 3255-5016 / 85 3255-5000 / 85 3255-5149