PUBLICIDADE
Ceará
Noticia

Perseguição a suspeitos de assaltar motorista é acompanhada por moradores do Cocó

Houve tiroteio e aplausos após prisão dos envolvidos

08:35 | 23/03/2021
Tumulto e perseguição policial no bairro Cocó. (Foto: Reprodução/ Whatsapp)
Tumulto e perseguição policial no bairro Cocó. (Foto: Reprodução/ Whatsapp)

Atualização às 10h55min

A perseguição a três suspeitos de assaltar, sequestrar e amarrar um motorista de aplicativo mexeu com a rotina de moradores do bairro Cocó na madrugada desta terça-feira, 23. Entre barulhos de sirenas e tiros, muita gente foi para a janela ver o que estava acontecendo em algumas das avenidas mais movimentadas do bairro. Houve até aplausos vindos das janelas dos apartamentos, que acabaram em gritos de Bolsonaro e Lula.

De acordo com a Secretaria Municipal de Segurança Cidadã de Fortaleza (Sesec), na madrugada de hoje, 23, um homem informou aos agentes de segurança municipal que havia sido sequestrado e largado nas proximidades das dunas da Sabiaguaba. A vítima também denunciou que, durante o sequestro, foi amarrado, vendado e teve o veículo que dirigia e alguns objetos pessoais subtraídos pelos criminosos. Como resultado da operação três suspeitos foram detidos.

A Sesec conta que a vítima abordou uma viatura da Célula de Proteção Comunitária, na Praia do Caça e Pesca. Os agentes de segurança registraram a ocorrência e fizeram um comunicado à Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) junto com a identificação do veículo e do proprietário.

Por meio do sistema de videomonitoramento, os agentes de segurança conseguiram localizar o veículo roubado. Os suspeitos se recusaram a parar o carro durante a abordagem e foram perseguidos até a avenida Padre Antônio Tomás, onde conseguiram abordar os envolvidos. Um dos criminosos efetuou disparos com arma de fogo contra os veículos da Polícia Militar e da Guarda Municipal, mas ninguém ficou ferido.

Dentro do carro haviam três suspeitos. Dois desses envolvidos foram levados para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA). O terceiro participante foi encontrado próximo à torre e possuía equipamento de monitoramento eletrônico em seu tornozelo. Ele também foi encaminhado à DCA. O carro e os pertences foram devolvidos à vítima.