PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Semana com nebulosidade variável e melhores condições de chuva

Para hoje e amanhã, estão previstos eventos de chuva no Litoral Norte, na Ibiapaba, no Sertão Central e Inhamuns e no Cariri. De acordo com a Funceme, há possibilidade de chuvas acumuladas nos próximos dias

16:50 | 09/02/2021
Para hoje e amanhã, estão previstos eventos de chuva no Litoral Norte, na Ibiapaba, no Sertão Central e Inhamuns e no Cariri (Foto: Aurelio Alves)
Para hoje e amanhã, estão previstos eventos de chuva no Litoral Norte, na Ibiapaba, no Sertão Central e Inhamuns e no Cariri (Foto: Aurelio Alves)

A quadra chuvosa que começou neste mês de fevereiro e se estende até maio continua em um cenário abaixo do esperado. Até a próxima quinta-feira, 11, a previsão é de nebulosidade variável em todas as regiões. Para hoje, 9, e amanhã, 10, estão previstos eventos de chuva no Litoral Norte, na Ibiapaba, no Sertão Central e Inhamuns e no Cariri. Nas demais regiões, há possibilidade de chuva para os próximos dias. As condições de tempo no Ceará seguem estáveis, porém, um pouco mais favoráveis à chuva em relação ao observado na última semana, quando as precipitações foram escassas. De acordo com análise realizada pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), há possibilidade de chuvas acumuladas nos próximos dias.

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), entre ontem e hoje houve registro de chuva em, pelo menos, 76 municípios. As cidades onde houve maior volume de chuva foram: Hidrolândia, com 60 mm; Salitre, 57 mm; Juazeiro do Norte, 56 mm; Aiuaba, 53,6 mm e Ipaumirim com 48,2 mm.

Chuvas abaixo da média

A previsão de chuva, mesmo que pontual e sem expressividade, se dá pela atuação de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN), que encontra-se sobre o oceano Atlântico, a leste da região Nordeste. Fatores locais, como a brisa terrestre, podem colaborar para registros mais a norte do Estado. Já a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), principal sistema indutor de precipitações nesta época do ano, segue sem mudança no seu posicionamento em relação à última semana, ou seja, localizada em torno de 2°N.

O prognóstico da Funceme indicou que o trimestre de fevereiro a abril indica 50% de probabilidade de chuvas abaixo da média