PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Ruas alagam, rios transbordam e árvore cai durante manhã de chuva no Ceará

Fortaleza registrou alagamentos e queda de árvore. No Interior, rios encheram e moradores não puderam transitar nas proximidades

14:24 | 08/01/2020
FORTALEZA, CE, BRASIL, 30.12.2019: Chuva em Fortaleza.  (Fotos: Fabio Lima/O POVO)
FORTALEZA, CE, BRASIL, 30.12.2019: Chuva em Fortaleza. (Fotos: Fabio Lima/O POVO) (Foto: FÁBIO LIMA/O POVO)

Após registro de chuva em mais de 80 municípios do Ceará entre as 7 horas da terça-feira, 7, e 12h30min  desta quarta, 8, algumas ocorrências foram observadas no Ceará. É o exemplo do bairro Sítio São João, em Fortaleza, onde moradores já haviam denunciado constantes alagamentos nas ruas. O POVO recebeu vídeo em que a Rua 16 aparece inundada com água da chuva, chegando a invadir calçadas e casas de quatro moradores. "Está tudo alagado. A água trouxe muito lixo, muita areia", conta Michelli Sampaio, moradora do bairro e quem enviou o vídeo.

Ela ainda está retirando a água de sua cozinha, mesmo após a chuva ter passado. Ela conta que não conseguiu sair de casa hoje e nem pretende. Alguns vizinhos, entretanto, se arriscaram. No vídeo, uma motocicleta e um carro aparecem com água chegando próximo aos pneus. "A gente vem sofrendo com isso há muitos anos. O prefeito veio inaugurar uma obra outro dia. É a nossa esperança".

Confira o vídeo completo:

Outra ocorrência aconteceu também em Fortaleza, na rua Érico Mota, bairro Parquelândia. No local, uma árvore caiu pouco depois das 10 horas. O POVO recebeu imagens do ocorrido, que também mostram equipes da Prefeitura trabalhando.

Motorista mandou o registro de árvore caída na Parquelândia
Motorista mandou o registro de árvore caída na Parquelândia (Foto: Via Instagram O POVO)

Rios transbordam após chuva de 130 milímetros no distrito de Palestina do Cariri em Mauriti 

O Distrito de Palestina do Cariri, no município de Mauriti, no Sul do Estado, recebeu na manhã desta quarta, 8, uma das maiores chuvas da região, com registro de 130 milímetros. Tanto a sede quanto os sítios vizinhos amanheceram debaixo de chuva. Região forte na produção agrícola, o rio que leva água para os Açudes do Gomes e o Quixabinha também amanheceu com muita água. 

Na zona rural, os produtores já começam a ver a paisagem mudar. Os rios que descem no sentido do Distrito, riacho Quixabinha , riacho do Sítio Novo e riacho do sítio Giqui, estão cheios. Alguns moradores não tiveram como trafegar nos pontos alagados. 

Chuvas da pré-estação até sexta no Ceará

A previsão do tempo realizada na manhã desta quarta, 8, pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) observou a influência da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) sobre o Estado, o que colaborou para precipitações em praticamente todas as macrorregiões. O cenário favorável já havia sido indicado nesta terça, 7, e deve seguir, pelo menos, até a próxima sexta-feira, 10.

Diante disto, a tendência atual é de predomínio de céu variando entre parcialmente nublado e claro ao longo do dia, mas com eventos de chuvas em todas as macrorregiões nesta quarta. Os meteorologistas apontam chances de precipitações com intensidade variando entre moderada e forte em determinadas ocasiões.P

Por meio das imagens da rede de radares, observam-se precipitações concentradas na porção leste do Estado e também na faixa litorânea, indo de Icapuí ao Trairi.

A expectativa da Funceme é que as chuvas não deverão atingir todos os municípios das regiões. As precipitações podem chegar ao oeste do Ceará, banhando o Litoral Norte, Ibiapaba e parte do Sertão Central e Inhamuns.

O POVO solicitou informações à Defesa Civil de Fortaleza sobre as ocorrências registradas nesta quarta-feira. Conforme a Prefeitura, os dados só serão divulgados no final da tarde. 

>> Ceará tem cenário favorável para chuvas nesta quarta-feira; Morada Nova registra 75 mm

 

 

Com informações de Amaury Alencar