PUBLICIDADE
Ceará
"prova de vida"

Mais de 14 mil servidores públicos do Estado terão de fazer recadastramento para receber "salário" este mês

Para receber em um prazo de cinco dias úteis, servidores terão de ir às agências do Bradesco para provar que "estão vivos"

21:00 | 29/04/2019
(Foto: )

14.660 servidores públicos do Ceará não receberão “salário” este mês. A Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) divulgou uma lista de 120 páginas com nomes terão a “suspenção de remuneração e proventos (militares) em abril/20109”. Os funcionários públicos da relação – entre inativos, pensionistas e trabalhadores ativos – não realizaram a “prova de vida”, um recadastramento biométrico para provar que estão vivos.

Entre os servidores que ficarão sem proventos está o comandante geral da Polícia Militar do Ceará – coronel Alexandre Ávila de Vasconcelos. Eles e mais de 500 PMs.

Além dos policiais militares, estão servidores da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, das secretarias da Educação, da Saúde, da Cultura, Fazenda, do Desenvolvimento Agrário, Detran, Ipec e outros órgãos públicos ligados à administração estadual.

Um policial militar ouvido pelo O POVO, que está na lista dos salários suspensos, afirma que fez o recadastramento exigido pela Seplag no site da própria secretaria. No entanto, não teria recebido informação suficiente dando conta que teria de se dirigir a uma agência do Bradesco para fazer a “prova de vida”.

De acordo com o policial, a prova de vida dos servidores deve ser feita no mês seguinte ao aniversário do funcionário público. “Meu aniversário é em janeiro e fiz o recadastramento no site da Seplag. A prova de vida deveria ter sido feita em fevereiro. Não fiz porque não houve divulgação massiva e, também, porque estava trabalhando 24 horas entre janeiro e fevereiro por causa da onda de ataques das facções”, reclamou o militar.

Seplag

De acordo com a assessoria de Comunicação da Seplag, durante três meses, uma campanha publicitária chamou atenção para a necessidade de se fazer a “prova de vida” no Bradesco. Foram peças publicadas em jornais, rádios e TVs.

No site da Seplag, uma notícia do dia 4 de janeiro deste ano, informa que desde fevereiro os servidores ativos e inativos (aposentados e pensionistas) deveriam “fazer a prova de vida no autoatendimento do Bradesco. A prova será por meio da biometria. Com isso o processo será mais ágil e seguro”.

O texto explica que “o servidor deve digitar numero da conta e agência e fazer a leitura da biometria em qualquer autoatendimento do Bradesco no Brasil”. De acordo com a Seplag, a atividade substitui o recadastramento geral realizado em 2018 em todas as agências do Bradesco do Brasil.

A informação no site também alerta que “os servidores/pensionistas que fizeram portabilidade e não possuem conta corrente no Bradesco precisam se dirigir a uma agência do Bradesco”. Já aqueles impossibilitados de comparecer, por motivos de doença grave ou por morar no exterior, devem acessar o site do recadastramento (recadastramento.seplag.ce.gov.br), imprimir o termo de recadastramento manual e dar entrada, por meio de um procurador, no protocolo da Seplag.

Confira a documentação necessária para quem não tem biometria cadastrada no Bradesco no endereço eletrônico.

O CALENDÁRIO PARA A PROVA DE VIDA

Aniversariante

Prova de Vida – Biometria

Aniversariantes de janeiro

Fevereiro / 2019

Aniversariantes de fevereiro

Fevereiro / 2019

Aniversariantes de março

Março / 2019

Aniversariantes de abril

Abril / 2019

Aniversariantes de maio

Maio / 2019

Aniversariantes de junho

Junho / 2019

Aniversariantes de julho

Julho / 2019

Aniversariantes de agosto

Agosto / 2019

Aniversariantes de setembro

Setembro / 2019

Aniversariantes de outubro

Outubro / 2019

Aniversariantes de novembro

Novembro / 2019

Aniversariantes de dezembro

Dezembro / 2019

DemitriTúlio