PUBLICIDADE
Notícias
Quadra chuvosa

A nove dias do fim de fevereiro, chuvas se aproximam da média histórica para o período

Os dados parciais, até esta terça-feira, 19, apontam uma média de 110,9 milímetros de águas pluviais em todo o território cearense

11:39 | 19/02/2019
Entre as 7 horas dessa segunda e o mesmo horário desta terça-feira, 19, choveu em 101 municípios cearenses. (Foto: Gustavo Simão/ Especial para O POVO)
Entre as 7 horas dessa segunda e o mesmo horário desta terça-feira, 19, choveu em 101 municípios cearenses. (Foto: Gustavo Simão/ Especial para O POVO)

Ainda faltam nove dias para fevereiro se encerrar. A expectativa do meteorologista Raul Fritz é de que, até lá, o volume de chuva registrado no Estado atinja a média histórica do mês: 118,6 milímetros. A possibilidade torna-se mais viável frente às precipitações já contabilizadas. Os dados parciais, até esta terça-feira, 19, apontam uma média de 110,9 milímetros de águas pluviais em todo o território cearense.

Por outro lado, assim como previsto no primeiro prognóstico apresentado pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a Região do Cariri registra as menores precipitações desde o início do mês. O acumulado é o menor entre todas as regiões do Estado. De acordo com Fritz, a extensão Sul do Estado está mais longe da média que as outras regiões.

Quanto ao El Niño, fenômeno que influencia na quantidade de chuvas no Ceará, a incidência ainda é fraca. “Ele pode chegar a um nível moderado. A tendência maior é que seja um fenômeno fraco. Mas, mesmo assim, pode interferir nas nossas chuvas. Ele tem uma possibilidade de interferir no final da quadra, entre os meses de abril e maio”, destaca Fritz.

Balanço diário

Desde as 7 horas dessa segunda-feira até o mesmo horário desta terça-feira as regiões do Litoral Norte e Sertão Central concentram as maiores precipitações no Ceará. De acordo com a Funceme, choveu em 101 municípios no período. O maior volume foi registrado em Amontada, com 90 milímetros (mm).

O município de Campos Sales, no Sertão Central, teve a segunda maior incidência de chuva. No total, 70,6 mm caiu na região. Este é o maior volume de água contado este mês na localidade. Já em Deputado Irapuan Pínheiro choveu 60 mm.

Quarta maior precipitação registrada nas últimas horas, Jijoca de Jericoacoara somou 52mm. O volume foi suficiente para causar transtornos em quem tenta trafegar por vias que dão acesso à cidade turística. No vídeo abaixo, é possível ver crateras na CE-085, próximo ao município de Acaraú, nos dois sentidos da estrada. Os transtornos já presentes são acentuados com a quadra chuvosa. 

Veja o vídeo: 

10 maiores chuvas por município no dia:

Amontada: 90.0 mm

Amontada : 77.0 mm

Campos Sales : 70.6 mm

Deputado Irapuan Pinheiro : 60.0 mm

Tamboril : 56.0 mm

Jijoca De Jericoacoara : 52.0 mm

Campos Sales : 50.0 mm

Morada Nova : 49.0 mm

Jaguaretama  : 44.4 mm

Nova Russas : 43.0 mm

Italo Cosme/ especial para O POVO