PUBLICIDADE
Notícias
| Ceará |

Reviravoltas até o Vovô

| Felipe Jonatan | Nas categorias de base, lateral passou por Fortaleza e Bahia antes de chegar no Ceará

05:00 | 10/12/2018
FELIPE Jonatan renovou 
contrato com o Ceará após bom ano
FELIPE Jonatan renovou contrato com o Ceará após bom ano

Antes de brilhar com a camisa do Ceará, o jovem lateral-esquerdo Felipe Jonatan, de 20 anos, chegou a defender as cores do Fortaleza nas categorias de base. A passagem dele pelo Tricolor terminou após um diretor do clube negar uma ajuda de custo ao atleta. Depois disso, o atleta ainda passou pelo Bahia antes de desembarcar em Porangabuçu para defender o Alvinegro. O jogador fez as revelações no programa Frias do Sérgio, da Rádio O POVO CBN.

"Em 2013, estava aperreado para o meu pai. Pedi ajuda de custo para um diretor do Fortaleza, mas ele (dirigente) negou. Resolvi sair do clube para ir para o Bahia", contou o Felipe, que terminou o ano como titular absoluto da lateral esquerda do Vovô.

No tricolor baiano, o jogador também não permaneceu por conta de outro percalço. "Fui aprovado, mas aconteceram algumas divergências. Fui assaltado em frente ao clube e acabei retornando para Fortaleza", explicou o lateral.

De volta à capital cearense, surgiu a oportunidade de ir jogar na base do clube de Porangabuçu. Desde então, o jogador tem feito uma trajetória de destaque no Alvinegro. Neste ano, eçe terminou a temporada como titular da equipe comandada por Lisca, renovou seu contrato até maio de 2022 e tem multa rescisória de R$ 15 milhões (para clubes nacionais) e 15 milhões de euros para transferência internacional.

"O que aconteceu no Fortaleza é que pedi uma ajuda de custo e não quiseram me dar. Hoje, estou no maior rival e evoluindo. Da minha turma do Fortaleza, fui o único que vinguei. Fico triste pelo outros, mas futebol é muito dinâmico", afirmou.

Ao todo, Felipe Jonatan fez apenas 20 partidas como profissional, sendo 18 como titular. Foram cinco jogos no Campeonato Cearense, um na Copa do Brasil e 14 no Brasileirão