PUBLICIDADE
Notícias

Blocos e cordões animam público da Domingos Olímpio nesta segunda-feira

Foram 15 desfiles na avenida em noite de chuva e enredos diversificados. Nesta terça, as escolas de samba encerram os quatro dias de programação

13:14 | 28/02/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

A chuva atingiu em cheio o desfile dos blocos “Adeus, Amélia” e “Doido é Tu” na noite desta segunda-feira, na avenida Domingos Olímpio. Não foi motivo para desanimar. Sob um céu nublado e marcado pelos relâmpagos, eles deixaram pela avenida os versos que lutavam pelos direitos da mulher e pela inclusão dos pacientes da saúde mental de Fortaleza. Os dois blocos foram, respectivamente, o quarto e o quinto desfile da noite.

A festa começou cedo, ainda às 16 horas com o desfile do Acadêmicos do Casa Caiada, com grupo de Música Percusiva do projeto de extensão da Universidade Federal do Ceará (UFC) homenageando o ritmo “coco”, de influências indígenas e africanas. Ao todo, foram onze blocos e quatro cordões com desfiles que se estenderam até 1h40min.

Os temas apresentados foram diversos. A comemoração dos 100 anos do samba foi cantada pelo bloco tradicional A Turma do Mamão, do bairro Moura Brasil. Com fantasias de políticos, o cordão As Bruxas mostrou apoio à luta contra a corrupção e ironizou candidatos que vão às comunidades pedir votos com promessa de renovação.

Outro cordão a se apresentar foi o Princesas no Frevo, com integrantes do Centro e bairros adjacentes. O enredo refletiu os anseios das minorias, contou a diretora de bateria, Veruska Abud. Aos 19 anos, ela foi a única mulher nesta função durante a programação da avenida Domingos Olímpio. O tema foi a defesa dos direitos de mulheres, crianças, negros e da comunidade LGBT.

A crítica social foi trazida de forma irreverente pelo bloco Império da Vila, do bairro Carlito Pamplona. As fantasias e o samba brincavam com as histórias de terror que assustam as crianças: o Véi do Saco, a perna cabeluda, a Loira do Banheiro. Além de personagens do imaginário do cearense, estiveram presentes integrantes fantasiados de mortos-vivos em coreografia de Thriller, do clipe de Michael Jackson. No entanto, a letra do samba elencava os medos da vida adulta: desemprego, violência e inflação, por exemplo.

Neste domingo

Hoje é dia de desfile para afoxés e escolas de samba na avenida. A programação vai do fim da tarde até a madrugada. Confira abaixo as atrações:

16h40 - Acabaca
17h20 - Omorisá Odé
18h - Obá Sá Rewá
19h20 - Corte no Samba
20h - Unidos do Acaracuzinho
20h40 - Mocidade Bela Vista
21h20 - Girassol de Iracema
22h - Tradição da Bela Vista
22h40 - Império Ideal
23h20 - Coração Benfica
00h - Imperadores da Parquelândia
00h40 - Colibri

TAGS