PUBLICIDADE
Cariri
NOTÍCIA

Dois prédios públicos e ambulância da Prefeitura são atacados em Juazeiro do Norte

A ambulância foi queimada. No Fórum da Cidade e no Departamento Municipal de Trânsito, os ataques foram impedidos

10:32 | 18/12/2018
NULL
NULL (Foto: )
Atualizada às 12h10min
  
[FOTO1]A madrugada desta terça-feira, 18, foi de ataques criminosos em Juazeiro do Norte, na Região do Cariri, a 487,9 quilômetros de Fortaleza. Suspeitos utilizaram materiais explosivos para atacar o Fórum Desembargador Juvêncio Joaquim de Santana, o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) e uma ambulância da Prefeitura.

O veículo foi queimado. De acordo com a Secretaria da Saúde de Juazeiro do Norte, a ambulância foi atacada em frente à casa do motorista, por volta das 2h30min. O funcionário estava voltando de um atendimento e parou em casa para uma emergência pessoal antes de voltar para o posto. 

Criminosos jogaram coquetel molotov no carro, que teve perda total. Vestígios da arma de fabricação caseira foram encontrados próximos a ambulância. Equipes do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE) forma deslocadas à residência do motorista, no bairro Leandro Bezerra, mas o veículo já estava muito danificado pelo fogo. Já no Fórum e no Demutran, o fogo não chegou a atingir nenhum veículo.
 
Para o fórum, o CBMCE foi acionado às 4 horas, quando voltava da ocorrência da ambulância. Quando os bombeiros chegaram ao prédio a situação já teria sido controlada. Porém, pouco tempo depois, as equipes tiveram de retornar ao local por suspeita de que explosivos estivessem perto de outros veículos. 
 
Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), dois carros estacionados no pátio da comarca foram parcialmente atingidos, mas sem maiores prejuízos. Após o fato, agentes de segurança apreenderam uma sacola contendo garrafas plásticas e líquido inflamável. Ainda conforme a pasta, a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foi ao prédio para "coletar vestígios e provas para auxiliar os trabalhos investigativos".

Em nota, o Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) afirmou o ataque ocorreu as dependências externas do local, não causando  "maiores consequências" para o fórum. "O fato não prejudicou o regular andamento das atividades do Poder Judiciário na Comarca", diz o órgão. 
   
Segundo José Cipriano, diretor do Demutran em Juazeiro do Norte, um viglitante chegava à sede do departamento por volta de 1h30min quando se deparou com um explosivo no local onde são guardados os veículos. O funcionário conseguiu impedir a explosão junto a outros dois agentes. Conforme nota enviada pela Secretaria da Segurança Pública e Cidadania do Município (Sesp), dois coquetéis molotov foram achados no local.
  
"Eles (os vigilitantes) até procuraram pela região para ver se encontravam algum suspeito mas não viram nada. A prioridade era salvar os carros. Estamos colaborando com a polícia no caso", pontuou Cipriano.
 
Investigação 
 
A Prefeitura de Juazeiro do Norte informou que um Boletim de Ocorrência (B.O) sobre todos os ataques já foi formalizado. Equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) realizam buscas na região para localizar os suspeitos, que até a publicação desta matéria estão foragidos. 
 
De acordo com a SSPDS, a Polícia Civil instaurou inquérito para apurar as circustâncias do crimes e identificar os autores. A Delegacia Regional de Juazeiro do Norte está encarregada das diligências. 
TAGS