Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

App cobra R$ 973 de passageiro em corrida de 20 minutos que custava R$ 24

A Uber afirmou em nota que após a viagem ter sido confirmada, o passageiro teria acidentalmente solicitado uma parada em outro município

Na segunda-feira, 13, o DJ e produtor cultural Adriano Gomes foi ressarcido pelo aplicativo de viagens Uber após a empresa cobrar R$ 973 em uma viagem entre três bairros na cidade de João Pessoa, Paraíba.

O passageiro saiu do bairro de Mandacuru no último sábado, 11, fez uma parada no Aeroclube para deixar um amigo e seguiu para o destino final em Porta Sol. O trajeto, normalmente, custaria cerca de R$ 24.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A empresa afirmou em nota enviada ao portal G1 que, após a viagem ter sido confirmada, Adriano teria acidentalmente solicitado uma parada em outro município a mais de 150 quilômetros do destino original.

Nas capturas de tela divulgadas pelo DJ, o trajeto confirma que o motorista seguiu o destino solicitado dentro da capital paraibana, e que o caminho de 150 km não foi realizado. 

Segundo Adriano, após entrar em contato com a empresa por causa da cobrança excessiva, ele teve como resposta que o valor foi resultado da tarifa dinâmica, sistema que aumenta os valores das viagens quando existe maior demanda.

O mesmo posicionamento foi mantido depois que o produtor publicou o caso nas redes sociais e falou por mensagem com o perfil da empresa no Twitter.

Com a repercussão do caso, a Uber avaliou novamente a situação e decidiu reembolsar Adriano na segunda-feira. 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar