Participamos do

Brasil bate novo recorde na média móvel de casos de covid-19

00:03 | Jan. 27, 2022
Autor DW
Tipo Notícia

Número de mortes nas últimas 24 horas foi de 267, elevando o total para mais de 623 mil desde o início da pandemiaPaís registrou mais de 90 mil novas infecções, o que fez com que a média móvel de casos conhecidos ultrapassasse os 150 mil pela primeira vez desde o início da pandemia, em março de 2020.Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 90.509 casos conhecidos de covid-19, o que elevou a média móvel de contágios contando os últimos sete dias para 150.236. O número consolida o sétimo recorde consecutivo e a maior marca registrada desde que a pandemia de coronavírus começou, em março de 2020. Com isso, o total de infecções durante toda a pandemia passou de 24 milhões no país. Em comparação à média de duas semanas atrás, o aumento foi de 241%, o que aponta para uma alta considerável no número de casos. Também foram contabilizadas mais 267 mortes, o que eleva o número total para mais de 623 mil desde o começo da pandemia. Desta forma, a média móvel de mortes também voltou a subir e está em 307 - a maior desde 31 de outubro, com uma variação de 152%. Os dados foram divulgados na noite desta segunda-feira (24/01) a partir de um levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa. O balanço é baseado em estatísticas divulgadas pelas secretarias estaduais da Saúde. Especialistas afirmam que a variante ômicron - descoberta em novembro no sul do continente africano e mais contagiosa do que outras cepas do vírus - tende a ser responsável por mais de 90% dos novos casos no Brasil. País volta a ser área de risco para a Alemanha As altas taxas de infecções por coronavírus fizeram com que o Brasil voltasse a figurar na lista de países como área de alto risco para a Alemanha. O país havia sido excluído da lista do governo alemão em 19 de setembro do ano passado. Na sexta-feira (21/01), o Instituto Robert Koch (RKI), a agência de prevenção e controle de doenças do país, anunciou que o Brasil e outras 18 nações passariam a ser considerados áreas de alto risco a partir de domingo. O status de área de alto risco não significa que viagens turísticas sejam proibidas, mas implica em uma recomendação do Ministério do Exterior da Alemanha para que deslocamentos não essenciais a esses países sejam evitados. Com a mudança, todas as pessoas que desejam entrar na Alemanha e estiveram no Brasil nos dez dias anteriores devem preencher um formulário online antes de embarcar. gb (ots)

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente