Participamos do

Homem agride funcionário de restaurante que pediu comprovante da vacina

Ao ser barrado por não apresentar documento, homem agride o recepcionista com socos e empurrões. Ele ainda não foi identificado
18:12 | Dez. 16, 2021
Autor Kauanna Castelo
Foto do autor
Kauanna Castelo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O funcionário de um restaurante em Santarém, no Pará, foi agredido ao solicitar o comprovante de vacinação de um cliente. Nas imagens, capturadas pelas câmeras de segurança interna do estabelecimento, é possível ver o momento em que o recepcionista tenta impedir a entrada de um homem que não apresenta a carteira de vacinação com o registro do imunizante contra Covid-19. Ao ser barrado, o homem, que está usando a máscara de forma incorreta, agride o funcionário com socos e o empurra. Caso aconteceu na última quarta-feira, 15 de dezembro,

Em entrevista à TV Tapajós, a dona do restaurante Do Italiano, informou que o agressor chegou ao estabelecimento acompanhado de um casal de amigos, que apresentou o comprovante de vacinação e adentrou no local. O homem, por sua vez, recusou-se a fazer o mesmo, e chegou a entrar no local, mas foi convidado a se retirar logo em seguida pela proprietária. O caso foi comunicado à Divisão de Vigilância Sanitária e um boletim de ocorrência deverá ser registrado ainda nesta quinta-feira, 16 de dezembro, na delegacia de Polícia Civil de Santarém. O homem ainda não foi identificado.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em nota, a direção do restaurante Do Italiano afirmou que o poder público não tem apoiado os empresários na fiscalização e cumprimento das regras impostas por decreto desde o dia 10 de dezembro, deixando assim o peso do controle sob a responsabilidade total dos empresários. "Desde o inicio da pandemia o Restaurante Do Italiano tem sido alvo de diversas críticas via mídias sociais e agressões verbais, por seguir os protocolos e cobrar de todos os seus clientes e cumprimento dos Decretos", diz trecho da nota.

Veja vídeo:

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags