PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Sobrevivente de ataque a creche em Saudades, bebê de 1 ano recebe alta

Com um ano e oito meses de idade, o bebê recebeu alta médida neste domingo, 9, dia das mães. Ele passou por cirurgia e estava internado desde o dia do crime, na última quarta-feira, 4

21:26 | 09/05/2021
O menino de 1 ano e 8 meses foi o único sobrevivente do ataque a creche que matou 3 crianças e duas professoras em Santa Catarina (Foto: Alcebíades Santos/ divulgação HC)
O menino de 1 ano e 8 meses foi o único sobrevivente do ataque a creche que matou 3 crianças e duas professoras em Santa Catarina (Foto: Alcebíades Santos/ divulgação HC)

Único sobrevivente de ataque a uma creche em Saudades, município de Santa Catarina, um bebê de um ano e oito meses, recebeu alta médica neste domingo, 9 de maio. Ele estava internado no Hospital da Criança de Chapecó, oeste catarinense, desde o dia do crime, na última terça-feira, 4.

A cidade de menos de 10 mil habitantes foi abalada pela tragédia. Além de três crianças menores de dois anos, morreram a professora Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, e a agente de educação Mirla Amanda Renner Costa, 20. O responsável pela chacina, Fabiano Kipper Mai, 18, foi preso.

LEIA MAIS | Familiares e amigos velam corpos de vítimas de atentado em creche de Saudades

Após o ataque, o bebê sobrevivente foi socorrido por uma professora e levado a um pronto-socorro local, de onde então foi encaminhado de helicóptero até o Hospital Regional do Oeste, também em Chapecó. Com ferimentos no rosto e no pescoço e em estado grave, foi operado ainda na terça-feira.

“Ele não chorava, não tinha reação nenhuma, estava pálido, assustado. Mas a boca dele borbulhava, só depois fui saber que era porque o pulmão dele tinha sido perfurado”, relatou a professora Aline Biazebetti, 27, que socorreu o bebê momentos depois da tragédia.

Criança teve alta neste domingo, e recebeu homenagens dos funcionários do hospital
Criança teve alta neste domingo, e recebeu homenagens dos funcionários do hospital (Foto: Alcebíades Santos/ Divulgação HC)

No dia seguinte, o bebê teve alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e foi movido para enfermaria. Em seguida, ele foi transferido para o Hospital das Crianças do município. Sua mãe, Adriana Martins, agradeceu a recuperação de seu filho, afirmando que ele “nasceu pela segunda vez”.

“Dia das mães. Dia mais feliz da minha vida. Foi um milagre, Deus o protegeu, me devolveu com vida, hoje tenho em meus braços o presente que dinheiro nenhum pode pagar. A palavra é gratidão hoje e sempre é agradecer, agradecer e agradecer a Deus e a todos que não mediram esforços para salvá-lo. Agradecer pelas orações, as palavras de conforto, que Deus abençoe a cada um e console a todas as famílias. Feliz dia das Mães com todo amor e carinho”, escreveu Adriana em rede social.