PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

"Meu melhor amigo agora é um bode", baiana viraliza ao relatar adoção inusitada

Açucena Guirra, de Senhor do Bonfim, na Bahia, contou a história da chegada do bode Bento na família; veja vídeo

11:22 | 04/12/2020
Jovem Açucena viraliza na internet ao relatar a trajetória da adoção do bode Bento. (Foto: Reprodução/Instagram)
Jovem Açucena viraliza na internet ao relatar a trajetória da adoção do bode Bento. (Foto: Reprodução/Instagram)

De início, a história poderia ser como a de muitas famílias com animais de estimação: a filha compra o animal, leva para casa e, ao chegar, o pai não aceita. Só que é tarde demais e ela já se apegou ao bicho. Foi o que aconteceu com a jovem Açucena Guirra, de Senhor do Bonfim, na Bahia. Só que uma diferença mudou todo o contexto: não era um cachorro ou um gato. O animal de estimação que ela tinha levado para casa era um bode.

Para contar a saga de Bento, o bode, até fazer parte da famíla, a jovem gravou um vídeo narrando tudo que aconteceu desde que o encontrou em uma feira. Na última sexta-feira, 27, o vídeo viralizou. Em pouco mais de dois dias, Açucena ganhou mais de 210 mil seguidores em seu perfil no Instagram (@sucss.s). "Minha gente, o que tá rolando, ganhei 100 mil seguidores? Deu uma suadeira aí. Os famosos falando comigo, é Bruno Gagliasso, meu Deus do céu", disse Açucena, em um vídeo postado no Instagram Stories.

Tudo começa depois que ela encontra o bode na feira. "O jovem de hoje em dia pega dinheiro e compra droga, eu pego dinheiro e compro um bode", diz Açucena no vídeo. Só que, ao chegar em casa, o bode não foi bem aceito pelo pai dela. "Voltei para a feira para tentar devolver o bode. É óbvio que o feirante não aceitou, disse que já tinha gastado o dinheiro", explica.

Ela diz que ainda ficou por mais de uma hora na feira esperando alguém se interessar em comprar o bode. "Na hora que eu fui comprar, tinham cinco disputando. Quando eu fui vender de novo, ninguém quis. Daqui a pouco chega um cara querendo comprar o bode com 25 conto e um quilo de rim. Eu digo 'tá maluco, peste? Tá achando que meu bode é o quê?", relata.

Mas a mãe mandou que ela voltasse para casa com o bode. "Quando cheguei em casa, minha mãe já tinha comprado mamadeira e estava esquentando leite", diz, enquanto mostra Bento tomando o líquido na mamadeira. Já o pai continuava não gostando muito da ideia. Enquanto isso, Açucena tentava descobrir o que seria melhor para alimentar Bento: leite na mamadeira ou uma ração específica.

"E o pior de tudo é que ao mesmo tempo que eu pensava: meu Deus, que laranjada foi essa que eu me meti, eu percebia que meu melhor amigo agora era um bode", conta.

Confira a saga de Açucena e Bento no vídeo completo:

Via Correio 24 Horas
Para Rede Nordeste