Participamos do

Internautas acusam Porta dos Fundos de machismo por vídeo sobre vereadora de Curitiba

Vídeo sugere que a vereadora mais votada nas eleições de Curitiba (PR), do partido Novo, participou de orgias e "vazou" nudes de si mesma
08:24 | Nov. 23, 2020
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

 

O vídeo mais recente do canal Portal dos Fundos recebeu críticas nas redes sociais. O programa está sendo acusado de machismo e misoginia por parte de internautas. Comentários foram feitos após canal publicar um vídeo sobre a vereadora mais votada nas eleições de Curitiba (PR), do partido Novo, Indaiara Barbosa.

Conteúdo sugere que vereadora participou de orgias e "vazou" nudes de si mesma.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Veja:


Felipe Neto se juntou aos críticos e classificou a esquete como "inaceitável". "Eu acho o partido Novo patético. Típica turminha neoliberaloide que sonha em ver ricos ficando mais ricos, enquanto grita 'é meritocracia' para os mais pobres. Contudo, o vídeo feito pelo Porta dos Fundos sobre a vereadora do partido foi inaceitável. Totalmente horrível", escreveu o influenciador no Twitter.

As informações são do portal UOL.

Muitos viram na paródia uma ofensa à Indaiara Barbosa, do partido Novo, a candidata à vereadora mais votado da capital paranaense. A vereadora eleita se manifestou em seu perfil no Twitter: "Apesar de ter sido a vereadora mais votada de Curitiba, certamente essa personagem não sou eu. É uma pena que o Porta dos Fundos associe o sucesso de uma mulher a alguma conotação sexual. Temos muito trabalho para mudar essa cultura retrógrada", disse Barbosa.

Confira algumas reações:






Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags