PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Ministério da Justiça vai monitorar esgotos para combater o tráfico de drogas

A pasta fechará acordo de R$ 10 mil para a UnB desenvolver pesquisas de análise de esgoto em cinco cidades brasileiras

11:54 | 23/01/2020
A iniciativa Cloacina pretende abranger 18 municípios até 2024.
A iniciativa Cloacina pretende abranger 18 municípios até 2024. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) vai começar a monitorar esgotos para combater o tráfico de drogas. A iniciativa surge de uma pesquisa de quatro anos da Universidade de Brasília (UnB) que identificou que a Ala Norte de Brasília tinha o maior índice de consumo de drogas a partir da análise dos esgotos da cidade.

Assim, a pasta de Sérgio Moro fechará acordo de R$ 10 milhões com a UnB para aplicar a pesquisa em todo o Brasil, nas cidades de Recife (PE), Ananindeua (PA), Cariacica (ES), Goiânia (GO) e São José dos Pinhais (PR). Todas cidades do programa "Em Frente, Brasil". De acordo com o Ministério da Justiça, o "Em Frente, Brasil" já apreendeu mais de 18 toneladas de drogas ilícitas nos municípios em que atua.

A iniciativa batizada de "Cloacina" é ligada à Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas. Ela terá atuação integrada de policiais de diversas instâncias - federal, rodoviário federal, militar e civil -, bombeiros, guardas municipais, agentes penitenciários e até a Força Nacional de Segurança Pública. Até 2024, a expansão do campo de coleta da Cloacina deve abranger 18 municípios.

As informações são do Jornal do Commercio.