PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Projeto no Instagram divulga pessoas em extrema pobreza à procura de emprego

Na página, há publicações de pessoas que trabalham como babá, garçom e jardineiro

12:13 | 11/04/2019
Página disponibiliza o currículo das pessoas à procura de emprego
Página disponibiliza o currículo das pessoas à procura de emprego(Foto: Reprodução)

O perfil Kurriculo no Instagram está divulgando imagens e informações de pessoas desempregadas que vivem em situação de extrema pobreza e estão em busca de emprego. A conta foi criada em Natal na última sexta-feira, 5. Entre as opções, pessoas dispostas a trabalhar como diarista, cuidador, babá, garçom e pedreiro. 

O projeto foi idealizado por Marcel Rodrigues, 28, há cinco meses. Ele é fundador da ONG RN Invisível, existente há um ano. A instituição busca a reintegração social de pessoas em situações de vulnerabilidade. "Como morador de rua, (pessoas) que moram em barracos ou estão em situação de extrema pobreza”, detalha Marcel. Hoje, cerca de 400 indivíduos são assistidos pela entidade. 

“Eu pensei em criar uma ferramenta só para divulgar o perfil das pessoas que são cadastradas na ONG”, diz. “Hoje, eu vejo que pode ser uma ferramenta de uso para diversas empresas do Brasil, para mostrar o currículo de pessoas que realmente estão precisando”, considera.

Nas publicações, são divulgados nome, formação, experiência e habilidades profissionais das pessoas cadastradas na ONG. Até esta quinta-feira, 11, sete perfis já foram publicados e mais de 9,9 mil pessoas seguem a página.

Segundo o criador, a ideia é expandir o projeto em todo o Brasil. “Agora têm pessoas de outros estados se disponibilizando a nos ajudar. Será criado um Instagram para cada estado”, projeta. A iniciativa não visa lucro, como afirma Rodrigues.

No País, 12,2 milhões de brasileiros estão desempregados, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Larissa Carvalho