PUBLICIDADE
Notícias
polêmica

Diretora da Vogue Brasil é acusada de racismo por festa de aniversário

Várias celebridades posaram em cadeiras ao lado de modelos vestidas de branco, semelhantes às tradicionais "baianas". A diretora rebateu críticas e pediu desculpas

17:16 | 09/02/2019
Donata Meirelles foi acusada de racismo nas redes sociais (Foto: Reprodução Instagram)
Donata Meirelles foi acusada de racismo nas redes sociais (Foto: Reprodução Instagram)

A festa de aniversário de uma das diretoras da revista Vogue Brasil, Donata Meirelles, causou revolta nas redes sociais. Na última sexta-feira, 8, a socialite reuniu famosos no Palácio da Aclamação, em Salvador, para celebrar seus 50 anos. No ambiente, várias celebridades posaram em cadeiras ao lado de modelos vestidas de branco, semelhantes às tradicionais “baianas”.

Nas redes sociais, Donata foi acusada  de racismo, por associar a temática da festa ao período colonial, marcado pela escravidão negra. Uma das críticas veio da historiadora Lilia Schwarcz, que se manifestou em seu perfil no Instagram:

Ativistas da causa negra como a cantora Joyce Fernandes, conhecida como “Preta-Rara”, também se posicionaram sobre o caso:

Em um post datado deste sábado, 9, Donata rebateu as críticas e pediu desculpas. 

Redação O POVO Online