PUBLICIDADE
Brasil
SEGURANÇA PÚBLICA

Operação de combate a facções é realizada em 15 estados e cumpre 266 mandados de prisão

Um integrante do PCC foi preso no Agreste de Pernambuco. Não são cumpridos mandados no Ceará

10:46 | 04/12/2018
Uma megaoperação em 15 estados brasileiros está sendo realizada na manhã desta terça-feira, 4, para prender integrantes de facções criminosas. No total, 266 mandados de prisão estão sendo cumpridos. Em Pernambuco, até a publicação desta matéria, uma pessoa suspeita de fazer parte do Primeiro Comando da Capital (PCC) foi presa. A operação não é realizada no Ceará.
 
Segundo informações obtidas pelo Jornal do Commercio, a prisão ocorreu no município de Bom Conselho, no Agreste do Estado. Trata-se de um homem que tem forte ligação com a facção criminosa de São Paulo. O mandado de prisão foi cumprido pela equipe do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Alagoas.
 
A prisão foi confirmada pelo procurador Ricardo Lapenda, coordenador do Gaeco do Ministério Público de Pernambuco.
 
Além do PCC, outras facções criminosas são alvos de operações pelo País, como as cariocas Comando Vermelho (CV), Terceiro Comando Puro (TCP) e Amigo dos Amigos (ADA), a capixaba Primeiro Comando de Vitória (PCV) e a paraibana Okaida RB, uma dissidência da Okaida.
 
As equipes efetuam prisões nos estados do Acre, Alagoas, Brasília, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Pernambuco, Paraíba, Pará, Rio de Janeiro, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins. Além dos mandados de prisão, outros 203 de busca e apreensão devem ser cumpridos.
 
do Jornal do Commercio para a Rede Nordeste