PUBLICIDADE
Brasil
Redes sociais

Dj Alok causa polêmica após divulgar vídeo que expõe criança em estado de vulnerabilidade

O episódio causou incomodo em internautas e deu início a discussão sobre os limites da exposição de ações solidárias

20:04 | 06/12/2018
Considerado um dos DJs de maior prestígio no mundo, o brasileiro Alok causou polêmica ao divulgar vídeo de sua participação em projeto de ação humanitária, em Moçambique. (Foto: Reprodução/Instagram)
 
Considerado um dos DJs de maior prestígio no mundo, o brasileiro Alok causou polêmica ao divulgar vídeo de sua participação em projeto de ação humanitária, em Moçambique. Nas imagens, ele aparece segurando uma das crianças da região, que se encontrava bastante debilitada e com lágrimas nos olhos. O episódio causou incomodo em internautas e deu início a discussão sobre os limites da exposição de ações solidárias.

"Ninguém tá reclamando do Alok ajudar as pessoas, o negócio é ele ficar querendo ganhar biscoito em cima disso e expor uma criança que está visivelmente incomodada de estar ali", escreveu uma internauta. "Eu estou muito incomodada com esse vídeo do Alok. Acho que ele foi muito infeliz expondo e até se aproveitando disso para sensibilizar os seguidores dele", disse outra.
 
 
 

Ainda no vídeo, o DJ se compromete em pagar uma cirurgia para a criança. "Eu prometo para vocês que o próximo encontro que a gente tiver aqui, vai ter uma escola. A criança já vai estar operada e muito melhor", disse.

Outros internautas também fizeram questão de defender o brasileiro, ressaltando apoio ao Dj. "O ser humano e sua mania de nunca estar contente com nada. Vai lá e ajuda a criança então, ao invés de ficar sentado na cadeira e criticando o Alok - que ultimamente tem feito o que muitos com dinheiro não fazem por serem individualistas", escreveu um deles. "Agora tão problematizando o vídeo do Alok porque ele mostrou a criança. Poderia não ter mostrado? Sim! Mas e as atitudes dele não contam? Para de criticar e faz alguma coisa também", disse outra.
 
 
 
 

Há algumas semanas, o DJ vem documentando e compartilhando em suas redes sociais imagens de sua viagem para o país africano com o objetivo de promover o trabalho do Fraternidade Sem Fronteiras. "O Fraternidade sem Fronteiras bateu o recorde no número de padrinhos em um dia. Obrigado por acreditarem no meu trabalho. Exaltemos os benefícios, não as fronteiras. Ajudar é preciso", escreveu Alok em seu perfil no Twitter.
 
 
 
Redação O POVO Online