Confira dicas de alimentação para o dia da prova do EnemNotícias do Brasil
PUBLICIDADE
Notícias


Confira dicas de alimentação para o dia da prova do Enem

Nutricionista opina sobre quais alimentos são melhores para evitar estresse e melhorar desempenho

19:11 | 01/11/2018
NULL
NULL
Faltam três dias para o primeiro domingo de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no dia 4 de novembro (04/11). Estudantes se preparam há meses para conseguir aprender conteúdos e se adaptar ao estilo do teste. Em um dia de estresse e ansiedade para muitos, a escolha dos alimentos pode piorar ou melhorar a situação. Da manhã antes do exame até o momento da prova, o participante deve se atentar à alimentação.
[FOTO1]
Pratos preparados em casa, mantendo a rotina já adotada, são boas pedidas para o café da manhã no dia da prova. A nutricionista Aliny Morais indica que a refeição seja composta por fontes de carboidrato e proteína, café ou frutas. “Comer em casa evita chances de infecção intestinal causada por comidas mal preparadas em restaurantes ou padarias”, explica. 

[SAIBAMAIS]No almoço, evitar alimentos gordos, que precisam de mais tempo para digestão completa, é a melhor escolha, segundo Aliny. Ela diz que proteínas leves sem molhos à base de leite podem ajudar o participante a não ficar com sensação “pesada” durante a prova, o que pode acarretar em falta de energia.

Por conta da extensão da prova, que chega a durar 5h30min no primeiro domingo, é recomendado que os alunos levem lanches pequenos para consumir durante o exame. A nutricionista indica castanhas, nozes e frutas secas como boa opção para o momento. “É preciso focar no fácil transporte e manuseio de alimentos”. Além disso, Aliny explica que esses alimentos levam mais tempo para serem mastigados, fazendo com que o indivíduo coma mais devagar. 

Como a comida muitas vezes é utilizada para melhorar a ansiedade causada pela pressão do exame, o chocolate é opção popular. Entretanto, a profissional diz que para usufruir dos benefícios, é preciso escolher meio amargos ou alimentos que tenham pelo menos 70% de cacau em sua composição. “O chocolate é responsável por liberação de serotonina no corpo, o que faz o consumidor sentir maior sensação de bem estar. Porém, chocolates brancos ou ao leite têm baixo teor de cacau e não causam o mesmo efeito”. 

Quanto a bebidas que podem ser levadas para o Enem, a nutricionista recomenda que o uso de energéticos seja moderado. Antes do dia do exame, é fundamental que o aluno perceba se tem sensibilidade à bebida cafeinada, diz Aliny. “Para quem apresenta essa sensibilidade existe a possibilidade de passar mal, ficar com pupila dilatada e sudorese, acabando por prejudicar o desempenho”. Levar água e manter hidratação é essencial.
 
Redação O POVO Online
TAGS