Após incêndio, Museu Nacional é interditado pela Defesa CivilNotícias do Brasil
PUBLICIDADE
Notícias


Após incêndio, Museu Nacional é interditado pela Defesa Civil

As causas do incêndio deverão ser apontadas pela perícia

23:28 | 03/09/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
 
Após o incêndio que destruiu o Museu Nacional do Rio de Janeiro na noite desse domingo, 2, técnicos da Defesa Civil interditaram o local nesta segunda, 3, após identificarem que "existe um grande risco de desabamento, que pode ocorrer com a queda de trechos remanescentes de laje, parte do telhado que caiu e paredes divisórias do prédio". Na área externa, no entanto, a avaliação destaca que "as espessuras das fachadas não correm riscos". As informações são do G1.

[SAIBAMAIS] 
 
"A fachada por inteiro nós não verificamos indícios de risco estrutural de colapsar (desabar). Existe, sim (risco interno), em função de trincas que ocorreram na fachada e do revestimento, é possível a queda de partes dos revestimentos, de fragmentos dos adornos, dos beirais e da própria esquadria das janelas que estão danificadas devido ao incêndio", contou o coordenador da Defesa Civil do Rio de Janeiro, Luiz André Moreira

De acordo com ele, o laudo ainda está em fase conclusiva e as causas do incêndio deverão ser apontadas pela perícia.
 
O incêndio

O incêndio de grandes proporções começou na noite desse domingo, 2, e destruiu todo o interior do palácio, que possui três pavimentos e mais de 9 mil metros quadrados de área útil. O museu contava com um acervo de 20 milhões de itens. Segundo informações de um bombeiro que participou da operação, a falta de água provocou o atraso do trabalho.
Redação O POVO Online 
TAGS