PUBLICIDADE
Notícias

Operação apreende pato da Fiesp em pensão clandestina

Os representantes da federação pagaram R$ 1.474,26 de "fiança", valor relativo aos custos da operação e pelas diárias no depósito

20:30 | 25/07/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

Na última quinta-feira, 20, uma operação da Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) contra pensões clandestinas em Brasília apreendeu o pato inflável da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), que aparece em vários protestos no País contra o aumento de impostos. As informações são do Correio Brasiliense.

 

Além do objeto, foram encontrados também "patos filhotes" de pelúcia e infláveis. Os quatro sacos de patos de pelúcia e infláveis e dois patos grandes de plástico estavam guardados em sacos em uma pousada que funcionava sem a licença de operação, localizada na 703 Sul.

 

Os animais de borracha foram levados para um galpão da Agefis e permaneceram no local até a tarde desta terça-feira, 25, quando representantes da Fiesp foram retirá-los.

 

Conforme a reportagem, eles pagaram R$ 1.474,26 de "fiança", valor relativo aos custos da operação (proporcional à quantidade de material apreendido) e pelas diárias no depósito. Os representantes da Fiesp não se posicionaram sobre o assunto.

Redação O POVO Online

TAGS