PUBLICIDADE
Notícias

Mãe de tatuador preso diz que filho está arrependido

O tatuador Marcos Reis foi preso sob acusação de ter torturado um adolescente de 17 anos. "Ele agiu por impulso no calor da emoção", diz a mãe

11:20 | 13/06/2017
Rosilene Carvalho dos Reis, mãe do tatuador Maycon Wesley Carvalho dos Reis, de 27 anos, disse ao G1 que o filho se arrepende de ter tatuado a testa de um adolescente de 17 anos com a frase "Sou ladrão e vacilão", em São Bernardo do Campo (SP).
 
"Ele é um bom menino. Ele simplesmente, em uma atitude de nervosismo, agiu de maneira errada. Agiu por impulso, no calor da emoção", disse Rosilene. 
 
[SAIBAMAIS]
 
O tatuador foi preso com o vizinho, Ronildo Moreira de Araújo, de 29 anos, na última sexta-feira, 9. Os dois foram identificados por filmar e divulgar vídeo no qual aparecem tatuando a testa da vítima. 
 
"Ainda não caiu minha ficha, não acredito que ele possa ter feito isso", lamentou a mãe. 
 
Rosilene acredita que Maykon tenha agido de maneira "impulsiva" devido aos recentes casos de violência com a família. Ela contou ao G1 que foi vítima de sequestro relâmpago há pouco tempo e que ficou por quatro horas refém dos bandidos. De acordo com Rosilene, a polícia ainda não resolveu o caso. 
 
A mãe do tatuador também disse ter o carro roubado em um assalto no trânsito. Em outra ocasião, ela relata ter a casa invadida. "Levaram tudo. Chamamos a polícia, e estamos esperando até agora", diz. Rosilene afirmou ao portal que nenhum dos casos foi solucionado. 
 
A vítima 
 
De acordo com a reportagem do G1, a Prefeitura de São Bernardo do Campo realizou uma parceria com a Faculdade de Medicina do ABC, para fazer a cirurgia de remoção da tatuagem na testa do adolescente de 17 anos. 
 
Redação O POVO Online
TAGS