PUBLICIDADE
Notícias

Após vencer câncer, menina faz campanha e arrecada mais de 5 mil litros de leite

Aos 4 anos, a menina foi diagnosticada com um tipo raro e agressivo de câncer

11:56 | 09/05/2017
NULL
NULL
[FOTO1] Em seu aniversário de 9 anos, a pequena, Beatriz Trivelato Simionato quis um tema diferente para sua festa. Com o objetivo de ajudar crianças que estão em tratamento contra o câncer, ela trocou os tradicionais presentes infantis por uma campanha para arrecadar leite. O resultado da campanha foi a arrecadação de mais de 5 mil litros.
 
Aos 4 anos, Beatriz, foi diagnosticada com três linfomas do tipo Burkitt no abdômen, um tipo raro e agressivo de câncer. O diagnóstico aconteceu durante uma consuta de rotina, e segundo o especialista, esse tipo de linfoma pode surgir em qualquer parte do corpo, mas ocorre com mais frequência no abdômen.
 
Os casos de linfoma do tipo Burkitt são tratados com quimioterapia. Beatriz passou três meses em tratamento e em todas as etapas, os pais da menina jamais perderam a esperança de ter a filha curada. Segundo a mãe, quando a pequena precisava fazer jejum para algum exame, ela também fazia para não deixar a filha sozinha.
 
Em 2012, Beatriz e seus pais receberam a notícia que ela estava curada. Os pais, a educadora, Cintia Trivelato e o tapeceiro, Luiz Roberto Simionato, contam que o diagnóstico precoce do câncer foi fundamental para que Bia, como gosta de ser chamada, tivesse mais chances de se curar.
[FOTO2] 
A menina ainda faz acompanhamento de seu estado de saúde no hospital e a convivência com as crianças que ainda se encontram em tratamento despertou a vontade de ajudar. Os pais de Beatriz encabeçaram uma campanha que ganhou adeptos de outras cidades e regiões próximas que se sensibilizaram com a história da criança.
 
"Quando eu tinha câncer faziam leite para mim no hospital e eu gostava muito de beber leite. Então eu resolvi doar o leite para as outras crianças que ainda estão lá", conta a menina em entrevista ao portal G1. Ao todo, 5.274 litros de leite foram arrecadados na festa infantil que teve como tema a Mulher Maravilha.
 
"Ela é muito humana, sempre pensa muito no outro, é muito apegada com as crianças pequenininhas que estão lá. À noite, ela pede a Deus para curar as crianças, assim como ela foi curada. Ela está ótima, graças a Deus." Assim com a personagem que se caracterizou, Beatriz também quer ajudar os outros. Quando crescer, a menina conta que quer ser médica. Feliz com o resultado da campanha, ela já faz planos para o seu aniversário no próximo ano, quando pretende arrecadar brinquedos para presentear outras crianças. 
 
Redação O POVO Online 
TAGS