PUBLICIDADE
Notícias

Posts em rede social causam demissão por justa causa

A demissão ocorreu em novembro de 2015, mas o caso foi analisado em dezembro de 2016 pela Segunda Turma do Tribunal Regional do Trabalho, da 21ª Região, entretanto, a divulgação só aconteceu neste mês

11:39 | 29/03/2017

Usuários das redes sociais precisam ter cuidado com o que postam e compartilham na web. Apesar da internet ser considerada uma terra sem leis, onde se pode reproduzir e divulgar tudo o que quiser, na vida real, não é bem assim.

O teor de uma publicação em redes sociais pode causar demissão por justa causa. Foi o que aconteceu com uma auxiliar de enfermagem em Natal, Rio Grande do Norte, que foi demitida por justa causa após ter publicado fotos com legendas contendo críticas ao hospital que trabalhava.

Em uma das imagens, não autorizada, continha na legenda a expressão popular "peia" (gíria local usada para se referir ao órgão sexual masculino). Em outra imagem, a ex-funcionária aparece mostrando medicamentos e revelando detalhes da organização do local.

 

A demissão ocorreu em novembro de 2015, mas o caso foi analisado em dezembro de 2016 pela Segunda Turma do Tribunal Regional do Trabalho, da 21ª Região, entretanto, a divulgação só aconteceu neste mês de março.


Após algumas reviravoltas no caso, no fim do ano passado, o TRT acatou a justificativa do hospital de que a ex-funcionária havia lesado a boa imagem da empresa e que a conduta da auxiliar de enfermagem não foi condizente com a de uma profissional a altura das suas responsabilidades.

 

Repercussões na internet

Tem se tornado comum a Justiça utilizar postagens em redes sociais como provas em processos, principalmente em processos trabalhistas. Por isso, é recomendado que os trabalhadores sejam cada vez mais cautelosos em suas publicações na rede.

 

Redação O POVO Online

TAGS