PUBLICIDADE
Notícias

Cachorro abandonado ganha "emprego" em posto de combustível

Além de amor e muito carinho, o cão foi adotado, ganhou crachá de identificação e uniforme de funcionário

13:58 | 16/02/2017
Cachorro em pé com chapéu vermelho e crachá
Cachorro em pé com chapéu vermelho e crachá
[FOTO1]Após ter sido abandonado e de conquistar o coração dos proprietários de um posto de combustível em São Paulo, um cachorro, chamado "Negão", conseguiu uma "vaga de emprego".  Além de amor e muito carinho, o cão foi adotado, ganhou crachá de identificação e uniforme de funcionário. 
Há dois anos, a empresária Sabrina Plannerer e seus pais compraram o estabelecimento inativo. Negão, que é vira-lata e tem aproximadamente nove anos, já habitava as redondezas do lugar antes mesmo do posto funcionar. Ele era alimentado pelo vigilante da obra do local. 
[FOTO2]As incertezas sobre o destino do animal começaram quando o posto estava para ser inaugurado. Sabrina, em entrevista ao portal Zero Hora, declarou que já estava apaixonada pelo "Negão". "Eu não poderia abandoná-lo, então, resolvi confeccionar um uniforme para ele. Assim, as pessoas saberiam que o cão é do posto e, talvez, não se preocupassem com o seu tamanho", explica. Apesar de dócil, o simpático funcionário assusta por ter porte grande e pesar 50 kg. 
[FOTO3]O resultado não poderia ter sido diferente. Em pouco tempo, "Negão" fez o maior sucesso entre os clientes. Sua função é recepcioná-los com aquele sorrisão largo e o rabinho abanando. Porém, nem tudo são flores: o mais que especial colaborador gosta de brincar com sua credencial e, por isso, acaba quebrando a identificação uma vez ou outra. Ele tem 15 crachás! 
Para sua tutora Sabrina, quebrar crachá não é nada perto do bem que "Negão" faz para ela e sua família. "Ele é muito fofinho e merece todo amor. É bonzinho demais", declarou. 
 
 
Redação O POVO Online 
TAGS