PUBLICIDADE
Notícias

MP recorre e quer multa de R$ 150 mil a nadador americano

A multa de R$ 35 mil foi proferida pelo Juizado do Torcedor e Grandes Eventos

13:31 | 20/08/2016
O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) anunciou nesta sexta-feira, 19, que vai recorrer da decisão de multa aplicada ao nadador americano James Feigen, que se envolveu no caso do falso assalto durante a Rio 2016. De acordo com o MP, a multa de R$ 35 mil não é proporcional às condições financeiras do atleta. Por falsa comunicação de crime, o MP quer que o nadador pague R$ 150 mil.

A multa de R$ 35 mil foi proferida pelo Juizado do Torcedor e Grandes Eventos. O MP alega que não concordou com a punição diante da gravidade e repercussão negativa. Segundo ainda o órgão, as negociações em torno da transação penal ainda não tinham sido concluídas quando o valor foi decidido pela Justiça.

Em comunicado, o MP lembrou que se houvesse discordância entre o juiz e o  promotor de multas, a solução era enviar o caso ao procurador-geral da Justiça. O órgão alega que isso não aconteceu. O Ministério resolveu recorrer ao Tribunal de Justiça do Rio requerendo que a palavra final seja do procurador-geral da Justiça. Além disso, o MP vai interpor apelação da decisão do Juizado do Torcedor e dos Grandes Eventos.
Redação O POVO Online
TAGS