PUBLICIDADE
Notícias

Criminosos se passam por visitantes e roubam 20 peças do Museu de Arte Sacra de Santos

No último dia 3, os suspeitos renderam funcionários do museu e levaram 20 itens, entre quadros, esculturas e crucifixos do período colonial. Fotos das peças foram divulgadas nesta quarta-feira, 6

21:21 | 06/07/2016
NULL
NULL

Três homens armados renderam funcionários e roubaram pelo menos 20 peças do acervo do Museu de Arte Sacra de Santos, no litoral paulista, na manhã do último domingo, 3.

Dentre os itens saqueados, estão quadros, esculturas, crucifixos, livros e equipamentos do sistema de segurança, além de imagens raras do período colonial brasileiro.

Os ladrões usaram plástico bolha para envolver as peças antes de retirá-las do local. A ação durou cerca de 45 minutos, segundo a polícia.

A equipe responsável disse, em entrevista ao Estadão, que é difícil estimar o prejuízo causado pelo roubo. O museu será reaberto na próxima segunda-feira,11, durante a festa de São Bento, padroeiro da instituição.

Esta foi a segunda vez que o equipamento perdeu parte do acervo. Outro roubo aconteceu há 20 anos, quando apenas três objetos foram recuperados. O museu não tem seguranças, o que pode ter facilitado a ação dos criminosos.

Não há pistas sobre o paradeiro das peças e nem dos suspeitos. O Sistema Estadual de Museus de São Paulo (Sisem) divulgou nesta quarta-feira, 6, fotografias das obras roubadas, esperando receber denúncias que auxiliem as investigações para posterior recuperação dos artefatos. O Conselho Internacional de Museus (Icom) foi contatado pelo Sisem para articulação da Interpol na investigação do caso.

Para informar algo sobre as peças roubadas, deve-se entrar em contato com o Museu de Arte Sacra de Santos: (13) 3219-1111.


Veja a lista das obras roubadas:
1- A Vila de Santos - 1765 - Reprodução fotográfica de uma obra de Benedicto Calixto
2 - Coleção Bahiana da Família Rebouças - Século XIX - Menino Jesus - Madeira policromada com aplicação de folha de ouro - Usa resplendor de prata
3 - Coleção Bahiana da Família Rebouças - Século XIX - Nossa Senhora - Madeira policromada com aplicação de folha de ouro - Usa coroa de prata
4 - Coleção Bahiana da Família Rebouças - Século XIX - Santa Cecília - madeira policromada com aplicação de folhas de ouro
5 -Coleção Bahiana da Família Rebouças - Século XIX - Santa Inês - madeira policromada com aplicação de folhas de ouro  
6 - Coleção Bahiana da Família Rebouças - Século XIX - São José - madeira policromada com aplicação de folhas de ouro - possui resplendor de prata
7- Crucifixo - Cobre - Século XIX
8 - Crucifixo - Metal - Século XX
9 - Menino Jesus - Madeira policromada - Século XIX
10 - Missal Romano - Século XX - 13ª Edição Taurinensis - com detalhes em prata
11 - Nossa Senhora da Dores - madeira policromada - Século XIX - possui cabelo humano, espada de prata, vestido e manto em tecido
12 - Quadro Mi Cristo Gaúcho - Autoria de Marcos Ortiz - Data de 1985 - papel e giz de cera
13 - Reprodução fotográfica da gravura do Mosteiro de São Bento de Santos - Autoria de William John Burchell
14 - Reprodução fotográfica da obra Santos Antiga 1822 de Benedicto Calixto
15 - Reprodução fotográfica de um manuscrito do Frei Gaspar da Madre de Deus
16 - Reprodução fotográfica de uma gravura - Frei Gaspar com Frei Miguel e Pedro Tarques
17 - Santa Ana Mestra - madeira policromada - século XIX
18 - São Bento - madeira policromada - Século XX
19 - São Sebastião - Madeira policromada - século XIX
20 - Senhor dos Passos - Madeira policromada - Século XIX - possui cabelo humano

Redação O POVO Online

TAGS