PUBLICIDADE
Notícias

Morte do cantor Cristiano Araújo e de sua namorada completa 1 ano

O casal morreu em um acidente de carro em Goiás

09:35 | 24/06/2016
NULL
NULL

No dia 24 de junho de 2015, o Brasil perdeu um de seus ídolos mais carismáticos da música sertaneja. Nesta sexta-feira, 24, faz um ano que o cantor Cristiano Araújo, 29, morreu em um acidente de carro na BR-153, no Km 613, em Goiás. Além do cantor, a sua namorada, Allana Moraes morreu na hora.

A morte do casal ganhou repercussão nacional e até mesmo na Europa, onde Cristiano Araújo começava a trilhar sua carreira internacional.

O cantor, que faria 30 anos no dia 24 de janeiro, deixou dois filhos: João Gabriel, de seis anos e Bernardo, de dois. O mais velho é filho do sertanejo com Luana Rodrigues, enquanto o mais novo é fruto de um romance do cantor com Elisa Leite.

[FOTO2] 

Um ano após a tragédia, fã-clubes do cantor continuam ativos.

Fãs
O carinho e paixão dos fãs por Cristiano continua grande. Um exemplo disso é o que fez a recepcionista  Eliane Brandão. Ela deixou o emprego em Brasília e se mudou para Goiânia apenas para visitar o túmulo do ídolo todos os dias.

[SAIBAMAIS3]A empresária Gerusa Carvalho, 39, disse em entrevista ao G1 que já era fã do cantor, mas que, após a morte dele, descobriu os detalhes da vida pessoal que ela não conhecia e ficou ‘fascinada’.

Carreira
A vida musical de Cristiano começou bem cedo. Ele ganhou seu primeiro violão aos seis anos e, aos nove, começou a se apresentar em público. Sua primeira composição foi escrita aos dez anos. Aos 13 anos ele gravou o primeiro CD com cinco músicas.

Em 2011 gravou um CD e DVD com ajuda dos cantores como Jorge (da dupla Jorge e Mateus), Gusttavo Lima, Humberto e Ronaldo, entre outros.

Cristiano Araújo ficou conhecido pela primeira vez com a música “Efeitos”, gravada com o sertanejo Jorge.

[VIDEO1] 

Acidente
O acidente aconteceu quando o grupo retornava de um show em Itumbiara, no sul de Goiânia na madrugada do dia 24 de junho. Estavam no carro Cristiano Araújo, a namorada Allana Moraes, o empresário do cantor e o motorista Ronaldo Miranda - que ficaram feridos, mas deixaram o hospital dias depois. O veículo, um Range Rover, saiu da pista e capotou.

[FOTO3] 

Redação O POVO Online

TAGS