PUBLICIDADE
Notícias

Justiça autoriza Suzane Von Richthofen cursar faculdade

Ela vai estudar administração de empresas em Taubaté; a frequência também servirá para remissão em parte da pena

10:22 | 08/04/2016
NULL
NULL

Condenada por matar os pais em 2002, Suzane Von Richthofen vai cursar Administração de Empresas na Universidade Anhanguera de Taubaté - que fica próxima a penitenciária de Tremembé. Ela foi liberada pela Justiça, por meio de mandado de segurança, concedido pelo desembargador, José Damião Pinheiro Machado Cogan, na quinta-feira, 7. A ação derruba decisão da Vara de Execuções Criminais de Taubaté, que tinha impedido a jovem de fazer a graduação.

José Damião, em seu despacho, relatou que repulsa que a presença de Suzane no curso superior poderia causar e que foi mencionada na decisão de primeira instância é uma ''ilação subjetiva''. Ainda de acordo com o desembargador, a sua integração com a classe se dará por meio da frequência efetiva.

A decisão ainda ressalta os 13 anos que a condenada passou em regime fechado sem ter registro de falta disciplinar. Suzane cumpre a sentença em regime semiaberto. Além disso a súmula 341 do Superior Tribunal de Justiça (STJ) prevê que a frequência a um curso de ensino formal pode ser utilizada para remição de parte da pena.

Cravinhos
O cunhado e o namorado de Suzane à época, Cristian e Daniel cravinhos, respectivamente, também são condenados pelo crime. Desde 2013 eles cumprem pena no regime semiaberto. Eles também são beneficiados em saídas temporárias.

Redação O POVO Online

TAGS